Skip to Content

<

Alburnus Alburnus - Alentejo não é pra meninos!

A cache by Djmmore Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 04/10/2012
Difficulty:
3.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size: micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Alburnus Alburnus - Alentejo não é pra meninos!

Nome vulgar: ABLETE

Nome científico: Alburnus Alburnus

Família: Cyprinidae

Ordem: Cypriniformes

Origem
A Ablete, conhecida desde o século XIX, é uma espécie indígena muito frequente em grande parte da Europa à excepção da Irlanda e Escócia, e estendendo-se até às zonas ocidentais do Mar Cáspio e Montes Urais.
Em Portugal é reconhecida a sua existência em algumas regiões mas em reduzido número. Na Albufeira da Barragem do Caia, onde recentemente foi introduzida por pescadores desportivos, a Ablete parece estar-se adaptando perfeitamente e já surge com certa regularidade em algumas zonas.

Características
A Ablete é um peixe cuja presença serve de indicador positivo da qualidade da água que habita.
De pequeno tamanho e com um aspecto prateado, tem um corpo alongado, a boca oblíqua ao alto com a maxila inferior a ultrapassar a superior, possui uma barbatana anal maior que a dorsal, as barbatanas são praticamente transparentes e possui uma linha lateral ao longo do corpo.
Possui uma medida que varia entre os 8 e 15 cm. e com um peso de 20 a 50 gr., podendo excepcionalmente atingir os 20 cm. e pouco mais de 200 gr.
Habita em todos os sectores das ribeiras e albufeiras que possuem águas calmas, claras e bem oxigenadas. A Ablete movimenta-se em grupos numerosos e em águas de superfície e meio-fundo e prefere as áreas junto às margens que têm protecção ou onde haja suficiente vegetação.
É um peixe que pode ser utilizado como isco para outras espécies como o Achigã ou o Lúcio.

Alimentação e Reprodução
A Ablete alimenta-se fundamentalmente de larvas e insectos que vão caindo na água, sobretudo a formiga de asa, de detritos vegetais e também de pequenos moluscos e algas. Os recém-nascidos alimentam-se de plancton.
Esta espécie tem uma esperança de vida calculada em pouco mais de 7 anos e a sua maturidade sexual é atingida aos 2/3 anos de idade. O período de reprodução da Ablete situa-se entre Abril e Junho e sempre em locais de águas calmas e de preferência junto à vegetação ou mesmo em fundos com pequena gravilha, quando a temperatura da água atinge os 14/15ºC., podendo cada fêmea conseguir na postura até cerca de 2000 ovos, ficando estes aderentes às plantas aquáticas e com uma incumbação de 2 a 3 semanas. Durante o período de reprodução os machos apresentam-se cobertos de tubérculos nupciais no dorso e flancos e as suas barbatanas adquirem uma coloração alaranjada.

Alentejo não é pra meninos!

Nunca é demais relembrar que deve deixar o Container e o local tal como o encontrou.

Projecto 'Alentejo não é pra meninos!' pretende dar a conhecer a zona envolvente a vila de Avis e proporcionar um passeio agradável ao ar livre.

Se encontrar alguma cerca fechada é favor tornar a fechar sempre que passar!


This page was generated by GeoPT Listing Generator

Additional Hints (No hints available.)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.