Skip to content

<

A moura encantada

A cache by //Link\\ Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 08/10/2012
Difficulty:
4 out of 5
Terrain:
3.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


A moura encantada

Todas as manhãs, uma mulher de cântaro à cabeça atravessava o Monte das Caldas para levar o leite ao posto. Era de uma família pobre e trabalhava para um rico lavrador que costumava abusar dos seus serviços.
Um dia, uma cobra enorme desceu dos penedos junto ao caminho e atravessou-se-lhe no caminho. Ao vê-la, a mulher deu um grito e ficou queda do susto.
– Não te assustes, mulher! – disse-lhe a cobra.
A mulher, quando viu a cobra a falar, ainda se assustou mais.
– Acalma-te, que eu não te faço mal.
– Que me queres? – perguntou a mulher a tremer como varas verdes. – Eu não tenho prata nem ouro. Trago apenas este cântaro de leite.
A cobra respondeu:
– Eu não quero nem prata nem ouro. Disso tenho eu de sobejo. E muito menos quero o teu leite.
– Então que me queres?
– Precisava que me fizesses um favor.
– Um favor? – perguntou a mulher ainda mais assustada.
Então a cobra contou a sua história:
– No tempo em que estas terras ainda eram dos Mouros, um senhor muito rico tinha uma filha muito bela. Mas um dia os cristãos invadiram as terras e o senhor resolveu partir com toda a sua gente, deixando a filha encantada a tomar conta do tesouro que escondeu debaixo de um penedo. Embora já tivessem passado mil anos, a donzela ainda vive. Essa donzela sou eu.
Um tanto confusa, a mulher perguntou:
– Mas tu és uma cobra.
– Foi meu pai que me encantou.
A mulher, olhando para o adiantado da hora, disse:
– Tenho de ir andando, senão o leite azeda e no posto já não o querem.
– E quanto ao favor que te pedi? Se mo fizeres, todas as riquezas que eu guardo serão tuas. Estou farta de ser cobra. Preciso de quebrar o encantamento para voltar a ser uma donzela.
– E que tenho eu de fazer?
– Dar-me um beijo. Só precisas de me dar um beijo para que todas as riquezas sejam tuas.
– Vou de pensar – respondeu a mulher.
– Amanhã, à mesma hora, ao teu encontro irei, pelo teu corpo subirei, na cara me beijarás e todas as minhas riquezas serão tuas.
No dia seguinte, a mulher ia caminhando com o cântaro do leite à cabeça. Não contou a ninguém o que lhe tinha acontecido. Tinha receio de passar pelo mesmo sítio, mas não havia outro caminho e metera-se-lhe na cabeça aquela ideia do tesouro. Com ele podia deixar de trabalhar para o patrão que abusava dela.
Ao aproximar-se do lugar do dia anterior, voltou a encontrar a cobra. O réptil rastejou até ela, enroscou-se-lhe pelas pernas acima e chegou-lhe com a cabeça perto da cara. A mulher olhou-a com grande nojo e medo e, ao ver aquela língua de fora, os olhos pequenos e fixos como os do diabo, as escamas peganhentas, deu um grito:
– Ai Nossa Senhora valei-me!
Ouviu-se um grande estrondo e uma voz que dizia:
– Ah, maldita, que me traíste!
A partir de então, a mulher não mais encontrou a cobra, embora não se sentisse lá muito segura quando por ali passava com o cântaro à cabeça.

Fonte: http://www.lendarium.org/narrative/a-moura-encantada-3/?place=991


A cache não se encontra nas coordenadas publicadas!
A cache

As coordenadas iniciais levá-lo-ão a um marco da casa de Bragança no Monte da Caldas. A cache não se encontra lá, mas terão de passar por esse ponto para a ir procurar. É, no entanto, apenas um ponto de passagem mas terão de obter as coordenadas finais em casa antes de lá ir!

Esta cache foi inicialmente colocada pelo GeoDerp. No entanto, aquando da sua colocação, o GeoDerp tropeçou numa das pedras soltas do caminho e caiu, acabando por sofrer um traumatismo craniano. Após vários dias no hospital, acabou por recuperar da queda mas continua sem se lembrar do que se passou naquela manhã no Monte das Caldas. Posteriormente, abandonou o geocaching, mas forneceu-nos toda a documentação necessária ao resgate da cache.

https://s3.amazonaws.com/gs-geo-images/d2004a6c-2497-4fe2-aaba-c832c05d33fd_l.jpg                                       

Pode verificar as coordenadas em GeoChecker.com.


Additional Hints (No hints available.)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.