Skip to Content

<

Gigantes Eólicos - Serra de Montemuro

A cache by THE LOST Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 11/24/2012
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size: regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:





Parque Eólico de Pinheiro

O Parque Eólico de Pinheiro está situado na Serra de Montemuro, localizado nas freguesias de Ester, Pinheiro, Ermida, Picão e Gosende do concelho de Castro Daire (16.990 habitantes) e na freguesia de Alhões do concelho de Cinfães (22.724 habitantes), no distrito de Viseu.
Este Parque está distanciado cerca de 5 km de um outro Parque (Parque Eólico de Cabril), que também pertence à mesma empresa.
A zona de implantação do Parque abrange uma área de cerca de 330 ha, com uma altitude variável entre 1200 m e 1350 m.
O investimento neste Parque foi de, aproximadamente, 20 milhões de euros.
O Parque é composto por 12 aerogeradores, posto de transformação associado a cada um deles, redes eléctricas, acessos e plataformas de trabalho, subestação e edifício de comando. A energia eléctrica é produzida através dos aerogeradores, com uma potência unitária de 1800 kW.



A energia eólica é uma energia que beneficia indirectamente o ambiente global do planeta. Cada GWh de energia com origem na queima de combustíveis fósseis implica, em Portugal (relação das produções de queima de carvão, petróleo e gás natural), a emissão de 0.7 milhares de toneladas de Dióxido de Carbono (CO2), sendo pois este Parque responsável pela não emissão para a atmosfera de cerca de 33 mil toneladas de CO2!

Não deite lixo no Parque, pois ele não nasce lá. Proteja o ambiente e a natureza!

Serra de Montemuro

Montemuro, o Monte do Muro, também nomeado Monte Vargano ou Monte Gironzo, em documentos do séc. X, é talvez a serra de maior imponência do território continental depois da Estrela. A sua cumeada, que marca a separação de águas entre os rios Douro, a Norte, e Paiva, a Sul, descreve dois alinhamentos quase rectos formando um ângulo, voltado a Norte, em cujo interior se encaixa o rio Bestança, numa falha geológica, em direcção ao Douro.
A condicionar esta passagem fundamental encontram-se restos da vasta e espessa muralha, de pedra bem arrumada, configurando uma cerca, de antiguidade ainda não estabelecida. Este monumento emblemático de Montemuro, o muro que lhe dá o nome, pode observar-se ao longo da linha de fronteira entre os concelhos de Castro Daire e Cinfães, próximo do acesso ao Parque Eólico de Pinheiro. Aqui, na portela, existe uma ermida, do Senhor das Portas, com cerca protectora.



Apesar de inóspitos em boa parte do ano, com um clima adverso à permanência humana, excepto no estio, nos cimos de Montemuro, em cristas rochosas ou nos vastos altiplanos que o formam, encontram-se inúmeros vestígios materiais da presença sazonal do homem, desde a Pré-História Recente até aos tempos modernos.
Entre os mais antigos contam-se as primeiras arquitecturas em pedra de toda a região, em particular, sepulturas pré-históricas sob montículos circulares constituídos por pedras e terra (mamoas ou pequenos tumuli), pedras isoladas, fincadas como marcos (menires) e recintos sagrados (cromeleques). A escavação de algumas destas mamoas revelou câmaras funerárias (dólmens) cujos esteios ostentam magníficos e variados motivos de arte esquemática, pintada e gravada, com destaque para representações da figura humana.


Os vestígios mais recentes repartem-se por uma diversidade de construções, também em pedra, relacionados com a agricultura e o pastoreio de altitude, onde se incluem muros ou muretes, de pedras sobrepostas ou fincadas no solo e encostadas entre si, definindo extensos limites entre propriedades (baldios) ou simples cercados, para gado ou cultivo, e ainda, cavidades naturais, dissimuladas no fraguedo, que denotam uso humano, ou pequenos abrigos individuais apoiados em palas ou abas rochosas.
Pequenas e grandes construções, sendo que as maiores, utilizando muitas vezes blocos descomunais, ciclópicos, simplesmente colocados no solo, mais parecem brincadeiras de gigantes tal o esforço físico que exigiu a sua deslocação. Testemunhos afinal de outros tempos tão remotos da vivência actual, embora próximos na escala do tempo, em que a necessidade extrema de sobrevivência e tanto esforço obrigava.

A vegetação não tem pés para andar e as pedras são marcos do tempo!

A Cache

A cache está localizada junto ao V.G. Montemuro, que assinala o ponto mais elevado da serra, com 1382 metros de altitude. Este é também o oitavo ponto mais elevado de Portugal Continental.
A cache é composta inicialmente por logbook, stashnote, material de escrita (caneta e lápis), afia, uma geocoin e objectos para troca. Use o bom senso e respeite sempre a troca destes objectos. Queremos com isto dizer que se retirar objectos da cache deve deixar nela objectos em troca, nunca numa proporção inferior. Estes objectos de que falamos são brinquedos, brindes, pins, etc.



Quando recolocar o contentor no seu esconderijo deixe-o devidamente fechado e acondicionado de forma a que não dê nas vistas. Quando efectuar o log não forneça pistas que revelem o seu esconderijo, mantendo desta forma a surpresa para os próximos visitantes. Podem e devem publicar fotos, desde que estas não desmascarem a localização da cache e/ou o contentor.

Quando passear pelo Parque, procure seguir os trilhos e caminhos.
Por favor, respeite a cache e a área envolvente.

Cache by:




THE LOST


Additional Hints (Decrypt)

Irwn n vzntrz fcbvyre. N pnpur rfgá cbe cregb r orz noevtnqn. Ncnerpreá anghenyzragr dhnaqb qrfpboeve b frh rfpbaqrevwb.

Urycqrfx: 912153288/914166222

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

60 Logged Visits

Found it 51     Didn't find it 3     Write note 4     Publish Listing 1     Needs Maintenance 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 80 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.