Skip to content

<

Batalha de Asseiceira

A cache by elsa&alex Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 05/11/2013
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size:   regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

Esta cache visa a dar conhecer a História da Batalha de Asseiceira e uma zona que é usada para Paintball, Airsoft, BTT, TT entre outros hobbys ou desportos... ATENÇÃO: É uma zona com muito barro que caracteriza esta aldeia e por isso para ir à cache aconselho deixar o carro no Park. CACHE: Multi muito simples com 1 ponto inicial com as coordenadas que vos leva à final

Batalha De Asseiceira

'As forças liberais, saídas na manhã de 16 de Maio de 1834, de Tomar sob o comando do General António Joaquim Guedes de Oliveira, colocaram-se estrategicamente nessa tarde na encosta sul que domina a baixa que corre para lá de Santa Cita, entre Linhaceira, à direita, e Asseiceira, à esquerda. A ala direita era comandada pelo Brigadeiro Bernardino Coelho Soares. O centro pelo Regimentode Infantaria nº21, Coronel José de Andrade Corvo de Camões. A Cavalaria era comandada pelo Brigadeiro Conde Henri de Puissieeux, tendo como Segundo Comandante o Coronel Calcy. O Duque da Terceira apesar de inferioridade numérica, e das excelentes posições do adversário, não hesitou em atacá-las, com a seguir se descreve. À direita sobre Asseiceira, o Coronel António Vicente Queirós, Conde de Santa Maria, com Caçadores nº12 e o Regimento de Infantaria nº10. Ao centro ficaram os voluntários da Rainha e o Regimento de Infantaria nº18 comandados pelo Brigadeiro João Nepumuceno de Macedo, Barão de S.Cosme. O Coronel José de Vasconcelos Bandeira de Melo, Barão de Leiria, comandava a ala esquerda, composta pelo 2ºRegimento Ligeiro da Rainha, pelo Batalhão móvel de Alcobaça, e por um Batalhão de Infantaria nº4, actuando na direcção da Linhaceira. A artilharia do Duque da Terceira era comandada pelo Major Fonseca Passos e a Cavalaria pelo Coronel José da Fonseca. Os postos avançados dos liberais manobravam em retirada, ante o fogo dos absolutistas, aberto ao romper da alva do dia 15. Rapidamente o combate se generalizou e às 9 horas da manhã já se batalhava em toda a linha. Como a sua esquerda era a mais atacada, o General Guedes de Oliveira ordenou ao Brigadeiro Puissieux que carregasse sobre os constitucionais. Fogosa foi a carga. Recuaram os absolutistas, avançando assim Puissieux com os seus esquadrões. Já nas fileiras liberais ressoava o grito - Vitória! A situação dos absolutistas era tão critica que, a determinada altura, o Duque da Terceira vendo o seu ajudante gravemente ferido, mandou ordem ao comandante da sua ala direita, Coronel Conde da Ponta de Santa Maria, para mandar engatar a artilharia, para uma possível retirada. Ao que o Coronel Queirós retorquiu 'DIGA AO GENERAL QUE AQUI NÃO SE ENGATA NEM DESENGATA; E QUE HAVEMOS DE IR PARA A FRENTE, OU FICAMOS AQUI TODOS!' Esta atitude, conjugada com a de Queirós, o Capitão Comandante de uma Companhia de Reserva do Batalhão de Caçadores nº12 decidiu a batalha. Este bravo capitão, com enorme sangue frio, não tendo sequer tempo de formar quadrado, ante a avalanche de Cavalaria de liberais que se aproximava à rédea solta mandou cerrar fileiras e ordenou uma descarga à queima roupa. O efeito foi fulminante, pois num ápice tudo mudou: Puissieux e Calcy caíram mortalmente feridos, bem como muitos dos seus homens. A restante Cavalaria, sem comandantes,soprando-lhe o medo à garupa deu rapidamente meia volta e fugiu desordenadamente. O General Duque da Terceira, vendo a situação deu celeremente ordens para efectuar um movimento envolvente à ala direita que retrocedeu. Então o Barão de S.Cosme atacou o centro do adversário, rápida e energicamente. Os absolutistas completamente derrotados, debandaram na direcção da Golegã, Barquinha e Torres Novas. Foi assim que o Duque da Terceira ganhou a Batalha de Asseiceira, graças à decisão e valentia de dois 'Queiroses'. Assim, no dia 16 de Maio as tropas fiéis aos ideais liberais comandadas pelo Duque da Terceira impuseram uma pesada derrota aos defensores da causa miguelista o que acabou por contribuir para a vitória de D.Pedro. Este facto possibilitou a subida ao trono da sua filha, D.Maria II, tendo ele mantido a sua posição de regente. E assim uma vez mais a Aldeia de Asseiceira contribuiu para a História do nosso Portugal.'

Fonte: ' A Vila de Asseiceira e o seu Termo'

Site: https://sites.google.com/site/acrdasseiceira/home/batalha-de-asseiceira


This page was generated by GeoPT Listing Generator

Additional Hints (Decrypt)

Phvqnqb pbz bf ovpubf...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.