Skip to content

<

"Naufrágio do Varuna"

A cache by Keper (Adopted from Phyllypsyus) Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 06/07/2013
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
4 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


 

'Naufrágio do Varuna'

 

As coordenadas Iniciais desta cache estao no local exacto onde se encontra fundeado o Iate Varuna, no entanto, as mesmas servem apenas como uma referencia. Para a localização final encontrarem, as coordenadas finais terão de decifrar.

A imprensa internacional acompanhou, a par e passo, o naufrágio do veleiro pertença do “mais rico americano solteiro” do início do século XX, acontecido nos mares do Porto Moniz.


O Varuna era construído em aço, tinha duas hélices, deslocava-se a uma velocidade máxima de 17 nós, e o seu interior estava luxuosamente decorado. Este iate Naufragou junto da orla Maritima a poucas dezenas de metros do Calhau das Achadas da Cruz, no dia 16 de Novembro de 1909.

 

Eugene Higgins (1860-1948), o proprietário do Varuna, era o herdeiro da fortuna do seu pai, que esteve ligado ao fabrico de carpetes.

 

Lamentavelmente as razões deste Naufrágio permanecem até os dias de hoje como causas desconhecidas, no entanto, as condições bastante tempestuosas dos mares nesse dia foram factor determinante para que o mesmo fosse arrastado para mais perto da costa onde fundeou. Felizmente, deste trágico acidente, para além dos bens materiais que não foram salvos, há também que lamentar apenas o desaparecimento de um dos membros da tripulação. Todos os outros, bem como passageiros e o próprio proprietário foram salvos pelos Navios de Cabotagem “Gavião” e “Açor”, depois de os recolherem dos pequenos botes do Veleiro. Os mesmos teriam vindo em socorro a pedido do próprio proprietário de forma a ver se ainda era possível salvar o veleiro do seu Fatídico destino.

Curiosidade: Varuna é o nome da deusa indiana do Oceano, que era também conhecedora e controladora de tudo, tendo ainda a seu cargo a administração da justiça. Seria o desfecho trágico deste iate?? Um 'castigo' da deusa ocasionado pelas excentricidades de Eugene Higgins...?

 

Esta Cache tem por objectivo, e de forma a que todos os geocachers tenham a noção de como efectuar um pedido de socorro ou passar qualquer informação, dar a possibilidade de todos conhecerem o Código Internacional de Bandeiras, o qual terão de usar para conseguirem descobrir as coordenadas finais desta cache. EXISTE OUTRA FORMA DE DECIFRAR AS COORDENADAS DESTA GEOCACHE, ATRAVÉS DA CONCRETIZAÇÃO DA LABCACHE "CRISTÓVÃO COLOMBO" NA ILHA DE PORTO SANTO, AO CONCRETIZAREM AS 5 ETAPAS TERÃO AS COORDENADAS FINAIS PARA ESTA GEOCACHE.

 

Tenham atenção: Este trilho foi utilizado para socorrer parte dos náufragos do Varuna até á primeira zona habitacional, neste caso, as Achadas da Cruz. Recomendo que não prossigam pelo trilho para alem da zona da cache, pois toda essa parte esta completamente abandonado devido á erosão e constante queda de rochas. Até á cache é completamente seguro. Mais é informado para que avaliem a última vez que esta Geocache foi visitada, pois por ser uma vereda pouco visitada, poderá estar com demasiada vegetação a dificultar a progressão. Sendo assim será importante levar algo para cortar ou afastar a vegetação necessária para a devida progressão. Para facilitar a visita a esta cache e assim manter a vereda mais descoberta, são partilhados alguns pontos de forma a facilitar. Importante seguir a vereda até perto da geocache e quando forem visíveis no solo as rochas em "SEGUIR TRILHO 3.1", o varandim de madeira em "SEGUIR TRILHO 3.2" e a Paisagem sobre a Fajã "SEGUIR TRILHO 3.3" é só seguir as indicações em imagens disponibilizadas na listing da Geocache e encontrar a geocache.

This page was generated by GeoPT Listing Generator

 


 

Additional Hints (Decrypt)

Ire vzntraf cnen nwhqne an erfbyhçãb qb ravtzn. Ire vzntraf cnen bevragne an irerqn ngé à Trbpnpur. Cebgrtvqn cbe crqenf r cbe enzntrz. Ire vzntraf qr Fcbvyre.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)