Skip to content

#1PT O Sobreiro (Quercus Suber) Traditional Geocache

This cache has been archived.

Bitaro: Esta geocache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante uma situação de falta de manutenção.
Relembro a secção das Linhas de Orientação que regulam a manutenção das geocaches:

O dono da geocache é responsável por visitas à localização física.

Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Se no local existe algum recipiente por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Uma vez que se trata de um caso de falta de manutenção a sua geocache não poderá ser desarquivada. Caso submeta uma nova será tido em conta este arquivamento por falta de manutenção.

Obrigado pela colaboração
Bitaro
Community Volunteer Reviewer

Centro de Ajuda
Trabalhar com o Revisor
Revisões mais rápidas
Linhas Orientação|Políticas Regionais - Portugal

More
Hidden : 08/05/2014
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


#PT O Sobreiro (Quercus Suber)

O sobreiro, sobro, sobreira ou chaparro (Quercus suber) é uma árvore da família do carvalho, cultivada no sul da Europa e a partir da qual se extrai a cortiça. O sobreiro é, juntamente com o Pinheiro-bravo, a espécie de árvores mais predominante em Portugal, sendo mais comum no Alentejo litoral e serras Algarvias. O sobreiro também fazia parte da vegetação natural da Península Ibérica, sendo espontâneo em muitos locais de Portugal e Espanha, onde constituía, antes da ação do Homem, frondosas florestas em associação com outras espécies, nomeadamente do género Quercus. O sobreiro distribui-se pela região mediterrânica ocidental, ocorrendo de forma espontânea em grande parte de Portugal, que é ainda o país do mundo que possui a maior área desta espécie. Ocorre também em Espanha, e junto ao Mediterrâneo em Marrocos, Argélia, Tunísia, França e Itália. O sobreiro prefere solos soltos e permeáveis em zonas com um clima ameno, mas adapta-se bem a uma grande variedade de condições ecológicas. O sobreiro é uma árvore que pode atingir até 25 m de altura. É uma espécie perenifólia que mantém folhas verdes durante todo o ano. Floresce geralmente entre Abril e Junho. Os frutos são bolotas, como em todas as espécies de carvalhos, que amadurecem e caem entre Setembro e Fevereiro. O sobreiro é conhecido e apreciado desde tempos antigos devido às características da sua casca, a cortiça, que figura entre as substâncias com maior poder isolador, sendo utilizada num grande número de aplicações. As suas bolotas são um bom alimento para o gado e para outros animais.


This page was generated by GeoPT Listing Generator

Additional Hints (No hints available.)