Skip to content

<

Rota do Jurássico #12: Cabo Mondego

A cache by humbertosilva Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 07/20/2014
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Cabo Mondego

O Cabo Mondego situa-se no bordo ocidental da Serra da Boa Viagem, ao longo da costa, entre as praias da Murtinheira e da Figueira da Foz. 

Constitui, sem dúvida, um testemunho irrepetível e insubstituível para a compreensão da história geológica de Portugal; representa, de forma particularmente completa, alguns dos mais importantes episódios da história da Terra ocorridos durante o Jurássico, para um intervalo de tempo que se situa aproximadamente entre os 185 e os 140 milhões de anos, o que justifica, a nível internacional, a relevância da sua classificação, conservação e divulgação. 

O afloramento compreende uma série de sedimentos marinhos e fluvio-lacustres que se estendem desde o Toarciano superior até ao Titoniano. Este registo, nalguns níveis, é particularmente contínuo e rico de informações paleontológicas, sedimentológicas e paleomagnéticas, que se associam a excepcionais condições de observação. Inclui níveis com as mais antigas pegadas de megalossaurídeos (dinossauros bípedes e carnívoros) descritas em Portugal e cuja primeira referência data de 1884. 

O recente estabelecimento do GSSP (Global Boundary Stratotype Section and Point) do Bajociano no Cabo Mondego pela IUGS (Internacional Union of Geological Sciences) confere-lhe a relevância internacional inerente a um estratotipo e reforça o carácter urgente da sua protecção e valorização. 

A sucessão praticamente contínua de materiais do Jurássico médio e superior num local sem perturbações de natureza tectónica, metamórfica ou vulcânica tem uma enorme valia em termos pedagógicos; a paleobiodiversidade decorrente do registo paleontológico reconhecido constitui um importante património museológico, bem como a existência de um estratotipo de limite que tem implicações de índole científica ao mais alto nível, contribuindo para o enorme e conhecido potencial turístico da Serra da Boa Viagem.
Fósseis:

É considerado um fóssil todo e qualquer vestígio identificável, corpóreo ou de actividade orgânica, de organismos do passado, conservado em contexto geológico.

Existem dois tipos de fósseis:

Somatofósseis: que são restos somáticos de organismos do passado;

Icnofósseis: que são vestígios fósseis da actividade biológica de organismos do passado.

E de acordo com a sua importância nos estudos geológicos, pode ainda ser dividida em fósseis de idade e fósseis de fácies:

Fósseis de Idade – devido à sua presença se torna mais fácil definir a idade dos sedimentos onde está incorporado. Os fósseis de idade são de organismos que viveram durante um curto período da história da Terra, e estão ainda distribuídos por uma basta área geográfica.

Fósseis de Fácies – devido à sua presença permite-nos conhecer o local e as condições da formação do estrato.      São fósseis de espécies características de um dado ambiente (habitat restrito).

Para registar esta EarthCache necessitas de responder às seguintes questões:

1. Da estrada até à rede de proteção, quantos estratos consegues contar (aproximadamente)?
2. Ao nível do chão, existe uma rocha com uma marca amarela. O que simboliza essa marca amarela?
3. No lado esquerdo, reparas que existem outras camadas semelhantes no cimo do Cabo Mondego. O que te faz lembrar esses estratos?
4. Como justificas a enorme mancha vermelha que existe à volta da camada superior desses estratos?
5. Como são compostas as pedras que encontras no chão?
6. No local existe uma sucessão sedimentar, descreve-a.
7. Tira uma foto com o teu GPS ou contigo no local e adiciona ao teu registo!
 

Boa sorte!  laugh

Additional Hints (No hints available.)