Skip to content

<

"La guarida del ladrón"

A cache by jpgcruzz Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 01/04/2015
Difficulty:
3.5 out of 5
Terrain:
4 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Untitled-1

Toda esta história tem um culpado - o famoso Queijo de Celorico da Beira...

Famoso pelas suas características únicas, sempre foi alvo de muito inveja... Afinal todos o querem!

E foi assim, que no passado um ladrão espanhol começou a atravessar a fronteira e vir até Celorico da Beira vasculhar as queijarias.. Ele sabia que se roubasse alguns queijos e os levasse de volta até Espanha, faria bom dinheiro na sua venda aos luxuriantes e extravagantes generais espanhóis.

Tudo esta cena se passou em plena Guerra Civil Espanhola. O povo espanhol passava fome enquanto os generais se empanturravam com comida de qualidade.. E claro, era ali que o ladrão ganhava mais dinheiro, a vender queijos de Celorico aos gulosos generais!

Era dinheiro fácil, e quase não dava trabalho. Afinal, Espanha estava no caos e Portugal também sofria com isso.. Toda a gente andava tão distraída que nem davam pelos roubos de meia dúzia de queijos de cada vez.

Passaram-se anos e anos enquanto o ladrão roubava as queijarias de Celorico.. Entrava nas queijarias pela calada da noite, olhava criteriosamente para o que ia roubar e dava inicio ao roubo. Depois era só colocar o corpo em modo de fuga e correr até se esconder no seu refúgio.

Como bom ladrão que era, tinha o refúgio numa posição estratégica - situada num local de dificil acesso, com uma mariola lá no alto a marcar e claro, sempre com o seu local de roubo à vista, Celorico da Beira.

Contudo, a guerra civil acabou, e as fronteiras tornaram-se mais "fechadas" - a travessia tornava-se mais complexa e arriscada. Aliado a isto, os portugueses viam o seu medo de contágio de uma guerra civil portuguesa dissuadir-se. Estavam assim associadas os factores perfeitos para o ladrão ser caçado em flagrante.

No dia 6 de Maio de 1938, enquanto roubava a queijaria "Arminda", o ladrão, fruto da sua vasta experiência e cada vez maior desleixo, tocou numa pequena caneca e esta estardalhou-se no meio do chão.. O frenesim estava montado!

Estremunhada, a dona da queijaria acordou e foi dar com o ladrão no seu acto - sacola de colo com 7 queijos e ainda mais um em cada mão. O ladrão ainda tentou escapar como é natural, mas o que durante tantos anos lhe deu tanto a ganhar, foi o que traiu nessa noite - um queijo da sacola caiu e o ladrão tropeçou nele no meio da rua principal de Celorico.. A população caçou-o!

Terminava assim a era do ladrão de Queijos de Celorico, contudo após ser "apertado" pela policia, o ladrão acabou por confessar alguns (claro que não todos!) dos roubos e também o seu covil ("la guarida del ladrón").

E claro, este ainda lá está à espera de novos inquilinos!


Untitled-1

Untitled-1


Para resolver o mistério deverão ir até à entrada do trilho do ladrão, prosseguir até as coordenadas da cache e procurar a mariola de referencia do ladrão. Junto a esta deverão procurar o azimute de 290/295º e progredir nessa direcção durante 20 a 25 metros.





Flag Counter

Additional Hints (Decrypt)

Yn thnevqn qry ynqeóa

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.