Skip to content

Fernão Capelo Gaivota na Reserva Ornitológica Traditional Cache

Hidden : 02/08/2015
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

TALVEZ ENCONTRES ALGO QUE FARÁ AINDA MAIS SENTIDO PARA TI DO QUE VOAR SEM LIMITES.



Fernão Capelo Gaivota tinha regressado à reserva que o viu nascer, a Reserva Ornitológica do Mindelo. Uma bela paisagem para descansar os olhos num fim de uma vida repleta de aventuras.

A sua história é a da liberdade, aprendizagem e amor.

A Paisagem Protegida Regional do Litoral de Vila do Conde e Reserva Ornitológica de Mindelo localiza-se no litoral do noroeste de Portugal, entre a margem esquerda da foz do rio Ave e a margem direita do rio Onda, no limite de Matosinhos e foi aqui onde a história começou e onde tudo acaba.

Fernão não tinha sido uma gaivota comum. Sempre tinha sentido um fascínio por acrobacias. E esse seu gosto por voos mais radicais é que o levou a ser banido do seu bando quando ainda era jovem.

Fernão recorda-se da frustração que tinha sentido com o conformismo e a limitação da vida de uma gaivota. Ele sempre quis mais! Voar mais alto e mais além! A sua alma descolava com as suas experiências, feitos aéreos e os triunfos resultantes da sua ousadia.
Fernão revive com saudosismo aqueles momentos da sua juventude em que tinha dado o melhor de si mesmo para atingir novos objectivos com voos mais altos e cada vez mais bem sucedidos (mesmo tendo sido banido).
Agora e já com as penas desgastadas pela velhice, recorda com saudade as duas amigas que tinha conhecido na sua juventude e que tanto lhe tinham ensinado! Por onde andarão elas?

Fernão Capelo Gaivota foi uma ave feliz! Teve o privilégio de aprender com os melhores professores, dos quais ele destaca com uma lagrima no olho, a Grande Gaivota, a melhor Mestre da vida, uma imagem que transcende o humano até ao nível do mais sagrado.
Tinha sido uma vida de aprendizagem com muitas das gaivotas que tal como ele, desfrutavam da mesma paixão, o gosto inequívoco pelo voo.

Acima de tudo, Fernão aprendeu que o importante é ser fiel a si mesmo.

FCG2



Com o tempo, Fernão continuou a sua aprendizagem cada vez mais aprimorada e repleta de ensinamentos humanos.
Só se é verdadeiramente livre quando se sabe perdoar!- Chegou ele à conclusão

Até que um dia, finalmente, Fernão decide regressar ao seu antigo bando e partilhar com eles tudo o que tinha aprendido com a sua experiência e perdoar o exilio forçado. Era uma ave de coração bom e generoso.

Já muitas luas cheias tinham passado desde essa altura. E a vida tinha seguido o seu curso na reserva.

Fernão olha agora ao seu redor, o tempo corria e galgava os dias e noites sem parar. Muitas das gaivotas que outrora tinham nascido na mesma primavera, já tinham partido numa viagem sem regresso em direcção ao Infinito.
Fernão, era o típico velho do Restelo. Recusava-se ceder ao peso da idade e até ao da gravidade. E o Infinito ainda podia esperar, segundo ele.
Era um lutador nato e um filho da liberdade! E o quanto apreciava e amava a Liberdade!

- Trago em mim todos os sonhos do mundo! - Diz ele um dia numa visita ao amigo da casinha Viola -  E se não te importares, vou deixar no teu quintal este meu livrinho bem resguardado. Para que todos aqueles que amem a liberdade, um dia o possam assinar.

Era assim.... O Fernão Capelo Gaivota não tinha amarras... A sua vida foi e é uma lição de liberdade e de respeito para com o próximo.
Ou talvez e antes de mais, uma lição de Amor.
Poucos dias depois a reserva despertou sob um dia de sol prometedor.... E o Fernão já não estava. Tinha partido num voo sem regresso com um sorriso no bico em direcção á luz do Infinito.





Additional Hints (Decrypt)

Orz ivaqb à zvaun crdhran r zbqrfgn...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)