Skip to content

Capela de Nossa Senhora do Amparo Traditional Cache

Hidden : 03/08/2015
Difficulty:
3 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Capela de Nossa Senhora do Amparo

Capela de Nossa Senhora do Amparo
Localiza-se nos montes de Santo Varão, mais propriamente no Casal das Machadas. Foi edificada nos finais do séc. XVI ou princípios do séc. XVII por António Fernandes, mas foi sofrendo várias remodelações ao longo dos anos. Em meados do séc. XVIII a capela entra em ruína e o Desembargador Dr. Manuel Ferreira de Oliveira (com casas e fazendas no couto de S. Verão) solicita licença para a sua reconstrução e ornamentação. A licença é concedida a 2 de Dezembro de 1756. No interior, para além do Altar-Mor com os nichos das esculturas de Santo António, São João Baptista, imagem moderna da Nossa Senhora do Amparo, S. Sebastião (vazio) e S. Benedito (vazio), podemos encontrar um jazigo de família em campa rasa de pedra mármore rosa com a seguinte inscrição: “O Desembargador Manuel Ferreira de Oliveira, instituidor desta capela, faleceu em 1784. E seu neto o Desembargador Faustino Ferreira de Noronha Oliveira e Saro nasceu em 1780 e faleceu aos 4 de Setembro de 1843. Mandou fazer esta lápide sua esposa Emília Cândida Alves Ribeiro de Noronha. Em testemunha da sua constante saudade.”

(Fonte: http://santovarao.netii.net/wordpress/?page_id=9 )

Nª Srª do Amparo
O culto a Nossa Senhora do Amparo remonta aos finais do séc. XVI ou princípios do séc. XVII, altura em que se construiu a sua ermida no Casal das Machadas (Montes de Santo Varão). A tradição popular registou a sua edificação e culto relacionado com promessas do fundador como reconhecimento da proteção conferida em acidente marítimo. A presença da âncora numa das mãos da escultura pode ajudar a justificar este motivo. De acordo com Correia Góis, testemunhos tradicionais asseguram que a antiga imagem já possuía âncora.
O momento solene das manifestações sacro-profanas em louvor da “Virgem dos desamparados” (que ocorrem sempre no período Pascal), organizadas pelo Apostolado de Nossa Senhora do Amparo e por uma comissão de festas anualmente escolhida, coincide com a presença da imagem na Igreja Matriz para veneração e cumprimento de promessas.




This page was generated by Geocaching Portugal Listing Generator

Additional Hints (Decrypt)

Byrn rhebcnrn Y.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)