Skip to content

VG BROCA - RPT 1198 - Trancoso Traditional Geocache

This cache has been archived.

WOLF77.PT: A cache será arquivada pois não faz grande sentido, e desculpem a dica, haver uma que ter mina mesmo por baixo do local em causa, por isso se fizerem a multi, serão levados ao local que se pretende. O caminho este está um pouco degradado e é um dos locais onde habitualmente estão vigilantes florestais nas imediações, por isso convém explicar ao que vão pois sabem da existência da cache.
BOAS CACHADAS!
Cuidado com os espaços florestais durante o Verão.

More
Hidden : 05/17/2015
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Translation

VG BROCA - RPT1198 - Trancoso

VG BROCA - RPT 1198 – Trancoso

Broca - TRANCOSO

Vértices Geodésicos, o que são:

Conjunto de todos os vértices geodésicos e das suas relações geométricas, distribuídos pelo país, colocados em posições dominantes de forma a garantir intervisibilidade, devidamente coordenados. Estão materializados através de diversas formas geométricas, como pirâmides ou troncos de cone sobre cilindros (bolembreanas) ou são coincidentes com estruturas já existentes.

Um VG ou vértice geodésico (popularmente chamado 'talefe' em Portugal, e 'Pinoco' no Norte de Portugal) é um sinal que indica uma posição cartográfica exacta e que forma parte de uma rede de triângulos com outros vértices geodésicos. São escolhidos sítios altos e isolados com linha de visão para outros vértices.

A rede geodésica portuguesa é formada por vértices geodésicos que se dividem em três ordens de importância de 1ª, 2ª ou 3ª Ordens.

O número de vértices existentes na totalidade do território (Portugal Continental e Regiões Autónomas) é, actualmente, de cerca de nove mil, repartidos por vértices de: Continente: 1ª Ordem (cerca de 120), 2ª Ordem (cerca de 900) e 3ª Ordem (com uma densidade aproximada de 1 vértice por cada 10 km²) Arquipélago dos Açores: cerca de 500 Arquipélago da Madeira: cerca de 150 A RGN é a infra-estrutura básica onde se apoia toda a cartografia do País, e que serve todos aqueles (empresas, autarquias e outros organismos públicos e privados) que, por força das suas actividades, necessitam de referenciar geograficamente os seus projectos (os Planos Directores Municipais, por exemplo).

CENTRO GEODÉSICO DE PORTUGAL:

O Centro Geodésico de Portugal, está situado na Serra da Melriça, freguesia e concelho de Vila de Rei, distrito de Castelo Branco. Encontrando-se a uma Altitude máxima ao Nível do Mar de 592m (anm/asl) é delineado fundamentalmente pelo Marco Geodésico padrão, pelo Museu da Geodesia e áreas envolvente de apoio e estacionamento.

O Marco Geodésico, é conhecido popularmente por 'Picoto da Melriça', sendo constituído por um vértice geodésico de 1ª ordem, piramidal, em alvenaria com 3 metros de base e 9 metros de altura e está desde á muito associado à história da cartografia moderna em Portugal. Esta iniciou-se no século XVIII, no reinado de D. Maria I, quando a soberana convidou a Academia Real da Marinha, a iniciar os trabalhos de triangulação geral do território, para a realização da Carta Geográfica do Reino. A importância do Marco Geodésico padrão, resulta de que foi a partir deste ponto, que se deu início à marcação dos restantes 8.000 vértices geodésicos de Portugal Continental.

VG’s Trancoso

O concelho de Trancoso, distrito da Guarda, possui cerca de 30 destes Vértices dos quais se destaca o da Serra do Pisco (RPT5854) embora geograficamente se situe na fronteira concelhia com Aguiar da Beira.

Esta cache está colocada nas imediações do VG da Broca – RPT1198, no topo de uma planalto denominado de Serra da Broca onde se situa o VG e também um Posto de Vigia de Fogos Florestais, logo se poderá imaginar a vastidão que se pode vislumbrar deste local. Desde A Sul a Estrela, a Este as serranias de Espanha, a Norete Terras de Trás os Montes e Alto Douro e Oeste a Serra da Lapa e Caramulo.

O acesso sendo de acesso relativamente simples feito por caminho florestal algo degradado, a partir das coordenadas fornecidas antes da entrada para a Aldeia da Broca onde se inicia uma multi cache “da broca até...” – E dada a topografia do Terreno, a cache fica a cerca de 200m do VG, que se aconselha visitar a pé, por no Inverno estar quase sempre com nevoeiro e/ou gelo misturados com lama, bem como no Verão poder interferir com a correcta observação e prevenção dos fogos florestais, contudo de forma apeada poderá ser feita a visita ao topo onde a vista convia a tal ou... quem sabe haverá outros motivos de visitas que pretendemos preservar! J

NUNCA ENTRAR EM ZONAS MURADAS OU VEDADAS COM PORTÃO OU SIMILAR...

Chegados ao GZ, procurar atentamente e deixar tudo conforme está.

A CACHE:
- A cache é uma embalagem hermética, contém logbook e stashnote devidamente identificados.

- Levar material de escrita.
- Deixem como encontraram sempre bem fechada

- Não revelar o seu local.
- O acesso final deve ser feito apenas a pé.
- NÃO compliquem, a cache é bastante fácil de encontrar.

BOAS CACHADAS e disfrutem a Natureza com respeito...




Additional Hints (Decrypt)

Nagrf qr Fhove à fhn rfdhreqn cebphene sbezn qr pbzhavpne...

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)