Skip to Content

<

Amazing View Over Santa Luzia - B54

A cache by bmps2003 & Friends [TPF] Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 03/03/2017
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
3 out of 5

Size: Size: other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Translation
Flag Counter
Amazing View Over Santa Luzia - B59
A Historia de Malhada do Rei

Malhada do Rei é uma pequena aldeia situada a 4 km da sede de freguesia, Unhais-o-Velho e a 5 km de Vidual de Cima. Dista 25 km a norte da sede de concelho, Pampilhosa da Serra, entre montes, serras (Rocha e Picoto) e ao cimo da Barragem de Santa Luzia, o que lhe dá uma beleza incomparável. Como quase todas as aldeias a norte do concelho é das mais pobres.

Da sua origem pouco se sabe, mas consta que nasceu de uma pequena quinta chamada Aziral, não se sabe ao certo há quantos anos. Há documentos que confirmam que em 1783, nesta pequena quinta, constituída por apenas sete famílias que viviam em pequenas casas construídas de pedra e barro (o cimento da época), com telhados de xisto, quase coladas umas às outras, com o fim de se abrigarem dos invernos frios e chuvosos, havia uma capela que tinha como padroeira Nossa Senhora dos Remédios (tradição mais antiga que se consegue apurar e que se mantém ainda hoje, no dia 21 de Novembro dia santo na aldeia). Sabe-se que a sua maior população se fez sentir a partir de 1900.

Os malhadenses foram sempre gente muito alegre e divertida. Todos os momentos eram oportunos para se fazer uma festa. Na malha do centeio e do trigo na eira, na desfolhada ou estona do milho dentro do palheiro, nas debulhas, tudo dava direito a requintadas merendas, onde nunca faltava a broa, as filhos, sempre acompanhadas de uma boa pinga. Bem comidos e bebidos tocavam-se e cantavam-se as cantigas daquele tempo. Havia famílias com doze irmãos, todos sabiam tocar e cantar o fado, que facilmente proporcionavam um bailarico. Estavam sempre bem ensaiados para as tradicionais festas.

A Barragem de Santa Luzia

A Barragem de Santa Luzia fica situada na Beira Litoral, no concelho de Pampilhosa da Serra, perto junto à pequena localidade de Casal da Lapa. Foi construída sobre o leito do rio Unhais que nasce a 8km mais a norte, nas Meãs, no pé do "Picoto de Cebola" sobre uma estreita garganta quartzítica e tem aproveitamento hidroeléctrico. Foi inaugurada em 1942, tendo levado onze anos a ser edificada. Em 1931 começou a ser construída, em 1934 procedeu-se ao levantamento da albufeira, que terminou em Março de 1935. Possui 76 metros de altura e um comprimento de coroamento de 115 m

A bacia hidrográfica de Santa Luzia tem 50 Km2 e recebe Água da Barragem do Alto Ceira, canalizada através de um túnel de derivação com 6.945 metros de comprimento. Os trabalhos da Barragem terminaram em 1942 com o fecho das comportas em Novembro desse ano, pela Companhia Eléctrica das Beiras. A central hidroeléctrica está montada num edifício exterior à Barragem e possui 4 grupos geradores num total de 32 MW, produzindo num ano normal 55 GWh.

O nome dado à barragem proveio da Ermida de Santa Luzia existente nos penedos, no limite das freguesias de Vidual e Cabril. Esta pequena capela foi mandada erigir em 1930, pelo particular Francisco Pedro Simões, natural da Malhada do Rei, em cumprimento de uma promessa.

Via Ferrata de Santa Luzia

A Via ferrata é um itinerário preparado nas paredes rochosas da montanha - com escadas, cabos, pitões etc, destinado a facilitar a progressão e optimizar a segurança dos montanhistas.

Com 7 graus de dificuldade que vão de Fácil a Extremamente difícil, pode ser acessível a um pedestranista em boa forma ou então a um montanhista experimentado.

A Via Ferrata da Pampilhosa da Serra tem início na Barragem de Santa Luzia (Casal da Lapa, junto à parte traseira do paredão da barragem). A aproximação é efetuada através do estacionamento em direção à parede Sudoeste.
A primeira secção tem início numa zona de placa vertical, seguindo depois por uma rampa até um pequeno diedro. A segunda secção inicia-se numa zona de placa vertical, realizando depois uma ligeira travessia à direita e seguindo por uma zona ligeiramente extra-prumada até chegar a um patamar grande.A terceira secção segue novamente por um ligeiro extra-prumo até atingir um patamar. Aqui atravessa para a direita por alguns metros, subindo de seguida por outra zona de ligeiro extra-prumo. Chegando a um pequeno patamar, a via atravessa para a direita até um canal. A quarta secção inicia-se numa zona vertical e segue depois durante alguns alguns metros por uma rampa ligeiramente inclinada até ao topo da falésia. A quinta e última secção segue pela esquerda contornando o maciço rochoso até ao fim da linha de vida que vai sair num trilho que conduz à estrada nacional, perto do miradouro do alto da barragem.

A Via Ferrata tem inicio nas Coordenadas: N 40º 05.346 W 008º 51.533

A Cache
Trata-se de um conteiner pequeno que não tem espaço para trocas, apenas logbook, deverão levar material de escrita, peço que deixem tudo igual ou melhor do que estava, desfrutem da grande vista deste miradouro e do sossego.

Algum problema por favor reportem!


Additional Hints (Decrypt)

Aãb cnerprf fre qndhv!

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

37 Logged Visits

Found it 30     Temporarily Disable Listing 2     Enable Listing 2     Publish Listing 1     Owner Maintenance 1     Post Reviewer Note 1     

View Logbook | View the Image Gallery of 8 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.