Skip to content

Ervedosa do Douro #1 - Terra de Raposos Traditional Cache

This cache has been archived.

Bitaro: Olá R_T,
Esta geocache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante uma situação de falta de manutenção.
Relembro a secção das Linhas de Orientação que regulam a manutenção das geocaches:

O dono da geocache é responsável por visitas à localização física.

Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Se no local existe algum recipiente por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Uma vez que se trata de um caso de falta de manutenção a sua geocache não poderá ser desarquivada. Caso submeta uma nova será tido em conta este arquivamento por falta de manutenção.

More
A cache by R_T Message this owner
Hidden : 03/26/2016
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Esta cache tem como objetivo dar a conhecer a freguesia de Ervedosa do Douro, que é a maior produtora de Vinho Generoso da Região demarcada do Douro e a freguesia com maior área na mancha do Património Mundial.

Ervedosa do Douro

Segundo reza a história, a povoação de Ervedosa do Douro terá começado no lugar do Frei Estevão, no entanto houve uma epidemia de formigas que obrigou a população a desviar-se para o local da actual povoação, que fica a cerca de 7 km a poente da Sede do Concelho, São João da Pesqueira..

Juntamente com Casais, esta freguesia pertenceu ao couto de S. Pedro das Águias do qual recebeu aforamento em 1274.

O Concelho de Ervedosa, o qual era formado apenas pela Sede da freguesia, confrontava, em 1527, de acordo com o cadastro do mesmo ano, com os concelhos de S. João da Pesqueira, Castanheiro e Valença do Douro, tendo meia légua de termo e 69 moradores.

Ervedosa deixou de ser sede do Concelho em 1834, passando então a integrar S. João da Pesqueira.

 

 

 

 

História

Junto à estrada marginal (Régua-Pinhão), e antes de atravessarmos a ponte sobre o Torto, fica o primitivo lugar das Bateiras, considerado, até há poucos anos, mercado do trabalhador ou da mão-de-obra barata. Juntavam-se ali assalariados sem trabalho, à espera de serem rogados pelos patrões durante os ciclos mais importantes do calendário agrícola: colheitas, cavas, escavas, redras e podas.

Casais do Douro (antiga sede de freguesia), a poente de Ervedosa, é, tal como a sede, grande produtora de vinho generoso na bacia do Torto, um dos melhores da região demarcada.

A igreja (titular, S. Sebastião) tem data de 1877 que substituiu a capela da Sra. da Ribeira local de uma das mais antigas romarias da região de Lamego. É digna de se ver a talha barroca do altar-mor da antiga matriz.

Foi barão de Casais do Douro António José Teixeira, médico-cirurgião, fidalgo da casa real e abastado proprietário na vila da Pesqueira onde exerceu funções de médico municipal, destacando-se na luta contra a epidemia da cólera, em 1857, que dizimou muita gente.

Sarzedinho (Cerzedelo, forma antiga do topónimo, pelo menos, desde o século XII), na margem esquerda do Torto, tem por orago S. Salvador (com capela), e esteve também incluído no couto do mosteiro de S. Pedro das Águias, cujo abade concedeu carta de foro (1227) aos moradores. Pertenceu ao extinto concelho de Valença do Douro. Tal como Casais, o lugar é excelente produtor de vinhos da mais cotada qualidade. Podem visitar a capela de Sta. Bárbara, com romaria a 25 e 26 de Junho.

Padroeiro

O padroeiro é S. Vicente mas o povo festeja a Sra. do Rosário e a Sra. do Socorro (a mais venerada), juntamente com Sta. Bárbara, com romaria em Agosto.

Monumentos

A Igreja de S. Vicente, reedificada em 1841, apresenta um magnífico trono em talha dourada barroca. No baptistério podem observar-se imagens antigas de S. Miguel e S. Sebastião, cultos pré - nacionais.

A Casa do Cão, casa brasonada, é um edifício saliente da arquitectura civil com algum aparato e tem pedras de armas dos Saavedras. Da insígnia zoomórfica que figura no timbre, sobre o escudo de armas, veio-lhe o nome com que o povo a baptizou.

Fonte: http://www.sjpesqueira.pt/pages/251

A cache:

A cache encontra-se numa zona central da vila e existe um parque de estacionamento a poucos metros da sua localização. A área da cache é tranquila, mas pedimos discrição na sua procura para que ela dure o máximo possível. Possui alguns materiais de troca e um logbook sem material de escrita. Por favor levem material de escrita e voltem a colocar o container na mesma posição. Esperamos que gostem da vila e divirtam-se! =)

 

Additional Hints (Decrypt)

CG - Rfgbh à fbzoen.<br />RA - V'z va gur funqr.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)