Skip to Content

<

O Telemóvel

A cache by Cedoura Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 08/11/2017
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


O Telemóvel


No dia 3 de Abril de 1973, o telefone tocou nos Laboratórios Bell, o departamento de pesquisa da operadora de telecomunicações norte-americana AT&T. Joel Engel, um dos directores da empresa, levantou o auscultador e ouviu do outro lado da linha a voz do canadiano Martin Cooper, funcionário da rival Motorola. “Disse-lhe, da maneira mais educada possível, que estava a falar com ele através de um telemóvel, no meio da rua”, contou depois Cooper.

A primeira chamada de um telemóvel de que há registo nasceu na esquina de uma rua de Manhattan, Nova Iorque, há 30 anos. Nesse momento, Martin Cooper entrou para a história. Não apenas por ter sido o primeiro utilizador do telefone portátil, mas sobretudo por ter inventado o aparelho que viria a mudar a vida de milhões de cidadãos em todo o mundo.

Desde 1947 que os Laboratórios Bell procuravam desenvolver um sistema de comunicações móveis utilizando uma rede celular, com o intuito de, num primeiro momento, disponibilizar telefones para carros. A partir da década de 60, a Motorola entrou na corrida. Cooper e a sua equipa sempre se mostraram mais interessados em criar aparelhos que pudessem ser utilizados em qualquer lugar. “As pessoas querem falar com outras e têm que estar totalmente livres para poder fazê-lo. Quisemos construir um aparelho para provar que isso era possível”, explicou o “pai” do telemóvel, citado na edição “on-line” do jornal canadiano “The Globe and Mail”.

O primeiro telemóvel, que ficou conhecido como Dyna-Tac, foi construído em três meses. No topo de um edifício nova-iorquino, a equipa de Cooper instalou uma estação que viria a permitir ligações à rede fixa. A 3 de Abril de 1973, Cooper caminhou por Manhattan, com o aparelho colado à orelha. Muitos nova- iorquinos pararam, boquiabertos, “porque viam um tipo a falar ao telefone na rua”, recordou o engenheiro ao “Globe and Mail”. “Joel, estou a falar contigo de um verdadeiro telefone celular, enquanto desço uma rua de Nova Iorque”, disse Martin Cooper ao rival Engel.

O Dyna-Tac pesava mais de um quilo, tinha 25 centímetros de altura, seis de profundidade e quatro de largura. “Fiquei com o braço mais forte de tanto carregar o telefone”, confessou Cooper à revista brasileira “Negócios Exame”.

Hoje tudo mudou: os aparelhos medem-se quase ao milímetro e o seu peso joga-se no campeonato das gramas. Os telemóveis são cada vez mais atraentes, têm cada vez mais funções e, sobretudo, são cada vez mais baratos...

Em Portugal, o telemóvel começou a implantar-se nos anos 90. Em 1989, estavam registados pouco mais de dois mil clientes do serviço móvel, que funcionava ainda através de uma rede analógica. À época, os telefones, quase sempre instalados no carro, estavam praticamente reservados à classe política e empresarial — os preços dos aparelhos variavam entre os 3000 e os 5000 euros.

Em 1991, quando a TMN entrou no mercado, estavam já contabilizados 12.600 assinantes. Um ano depois, a Telecel começou a operar e nessa altura foram recenseados 37.300. Com o aumento de utilizadores de telemóvel deu-se o abaixamento dos preços: em 1993, surgiu no mercado o primeiro aparelho disponível a menos de 500 euros.

A partir daí, foi sempre a subir. Quando apareceu o terceiro operador, a Optimus, em 1998, havia já em Portugal mais de três milhões de utilizadores. A concorrência obrigou as operadoras a descer os preços e a oferecer novos produtos. Em 2000, quando já mais de seis milhões de telemóveis tocavam no país, começou a ser possível aceder à Internet através do portátil e o serviço de mensagens escritas (SMS) apaixonou os portugueses.

Os dados mais recentes da Autoridade Nacional de Comunicações não deixam margem para dúvidas: o número de utilizadores não pára de crescer…

Actualmente o telemóvel tem uma panóplia de funcionalidades que, com uma moderada e ponderada utilização, facilitam em muito o dia-a-dia.

Infelizmente, cada vez mais se vê o ser humano dependente deste equipamento (que outrora servia apenas para conversação...), que serve de “distracção” inibindo o seu utilizador para tudo o que se passa em seu redor.

Preocupante é a actual utilização deste tipo de equipamentos, com uma dependência avassaladora, pelas camadas mais jovens.

O container contém apenas logbook, facto esse que implica levar material de escrita.

The container contains only logbook. You should bring writing materials.

Additional Hints (Decrypt)

CG - Ybtobbx an "ongrevn"
RAT - Ybtobbx va gur "onggrel"

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



 

Find...

98 Logged Visits

Found it 86     Didn't find it 2     Write note 2     Temporarily Disable Listing 2     Enable Listing 2     Publish Listing 1     Needs Maintenance 1     Owner Maintenance 2     

View Logbook | View the Image Gallery of 7 images

**Warning! Spoilers may be included in the descriptions or links.

Current Time:
Last Updated:
Rendered From:Unknown
Coordinates are in the WGS84 datum

Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.