Skip to content

Rota das Descobertas e Saberes 6 Traditional Cache

This cache has been archived.

Bitaro: Olá TTAR17,
Esta geocache foi arquivada por falta de uma resposta atempada e/ou adequada perante uma situação de falta de manutenção.
Relembro a secção das Linhas de Orientação que regulam a manutenção das geocaches:

O dono da geocache é responsável por visitas à localização física.

Você é responsável por visitas ocasionais à sua geocache para assegurar que está tudo em ordem para funcionar, especialmente quando alguém reporta um problema com a geocache (desaparecimento, estrago, humidade/infiltrações, etc.), ou faz um registo "Precisa de Manutenção". Desactive temporariamente a sua geocache para que os outros saibam que não devem procurar a geocache até que tenha resolvido o problema. É-lhe concedido um período razoável de tempo - geralmente até 4 semanas - dentro do qual deverá verificar o estado da sua geocache. Se a geocache não estiver a receber a manutenção necessária ou estiver temporariamente desactivada por um longo período de tempo, poderemos arquivar a página da geocache.

Se no local existe algum recipiente por favor recolha-o a fim de evitar que se torne lixo (geolitter).

Uma vez que se trata de um caso de falta de manutenção a sua geocache não poderá ser desarquivada. Caso submeta uma nova será tido em conta este arquivamento por falta de manutenção.

More
Hidden : 03/28/2018
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Capela de São Lourenço

No dia 16 de Fevereiro de 1969 as povoações dos Casais, Montinho e Vale Porco em sintonia com o seu pároco, P. Alfredo Dias, davam asas a uma comissão pró-construção da capela em honra de São Lourenço. O sonho da maioria da população, alimentado pelo P. Manuel Fernandes, membro da Sociedade Missionária e filho da terra, ganhava corpo. Delineados os terrenos para a construção da capela e o respetivo adro, doados por José Maria Pedro, Alfredo Fernandes Bairrada e Manuel Alves, bastou à comissão constituída por Manuel Afonso da Silva, Carlos Farinha Cardoso, Daniel Lourenço, José Maria Cardoso, Joaquim Farinha Tavares, José Maria Pedro e Francisco Tavares, levantar a âncora e mergulhar em busca do necessário para fazer emergir a obra. Extraordinariamente, a primeira investida feita de porta em porta nessas povoações, resultou em 50.100$00, o sinal de que em breve o sonho seria concretizado. Ora, com o esforço e empenho das referidas povoações, os filhos no estrangeiro e amigos desta causa, em curto prazo São Lourenço viu nascer a sua casa cujo custo final foi de 95.220$00.

Assim, nos dias 21 e 22 de Setembro de 1969, todos os caminhos iam dar aos Casais. Era a primeira festa em honra de São Lourenço. O momento mais alto da festa foi, como não podia deixar de ser, a Eucaristia presidida pelo pároco da paróquia, P. Alfredo Dias concelebrada por dois filhos da terra: padres Manuel Fernandes e Joaquim Farinha. A Eucaristia foi antecedida pela bênção da imagem do patrono e pela procissão à volta da capela. Era festa! Para além da iluminação, aparelhagem, quermesses…o Rancho folclórico dos Casais, desabrochava coma sua folia. Então a comissão pôde exclamar por um dos seus membros: “Esta capela é para os habitantes e naturais dos Casais de São Lourenço um sinal vivo de sua fé, estímulo poderoso à sua união e o ponto de partida para outras realizações de que tanto carecem”. 

Este Mártir, segundo a tradição popular, já tinha uma capelinha em tempos remotos nos Casais mas que o mesmo tempo apagou da história. No entanto, a memória de uma antiga capela e o seu nome atribuído a muito boa gente fizeram nascer a capela de São Lourenço dos Casais. É uma das capelas da Paróquia de Proença-a-Nova, situada na periferia da mesma Vila. Ela tem as características bem ao gosto do seu arquiteto Abrunhosa de Brito: linhas sóbrias, elegantes e modernas. O presbitério favorece uma ampla abertura sobre a nave possibilitando comunicação recíproca do ministro do culto e fiéis. A porta de ingresso abre generosamente a toda a largura da capela permitindo a participação do exterior, nos dias em que se junta um maior número de fiéis. Entre o presbitério e a nave, próximo do ambão, está uma parede-nicho, onde serenamente São Lourenço esculpido em madeira de cedro brasileiro e ricamente decorado em ouro, se manifesta o real protetor e auxilio dos fiéis que devotamente a ele se dirige. Do outro lado, uma imagem de Nossa Senhora de Fátima, comprada coma contribuição generosa de todas as senhoras residentes naquelas povoações.

Fonte: excerto da publicação da Agenda Cultural de Setembro de 2010, pelo Pe. Ilídio Graça, Retirado da Câmara Municipal de Proença a Nova

Additional Hints (Decrypt)

Cnen zr rapbagenerf, ab cynpneq zr invf rapbagene

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)