Skip to content

03 | Caminho Português por Braga - Hospital Traditional Geocache

Hidden : 07/14/2018
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


 
Caminho Português por Braga
 

Caminho Português por Braga
 
As  peregrinações  compostelanas  iniciam  com  a  descoberta,  no  princípio  do  século  VIII,  do  túmulo  do Apóstolo Santiago em Arcis Marmoricis, atualmente Santiago de Compostela. Após o reconhecimento do achado do túmulo iniciam-se as peregrinações, transformando Santiago de Compostela num dos mais importantes  e  concorridos  centros  peregrinatórios  da  cristandade.  Todo  o  caminho  escolhido  por  um  peregrino, desde o seu local de origem até ao túmulo do Apóstolo, passou a ser um Caminho de Santiago. No  sentido  de  regrar  a  multiplicidade  de  Caminhos,  foram  definidos,  com  o  tempo,  oito  Caminhos,  de  entre os quais o Caminho Português e os seus variados itinerários.
 
Globalmente,  em  território  português,  os  elementos  que  identificam  os  itinerários  Jacobeus  são  as  paróquias dedicadas a Santiago, a sua implantação nos trajetos peregrinatórios e as capelas construídas em  sua  honra,  bem  como  pontes,  fontes,  cruzeiros,  imagens  do  Apóstolo,  confrarias  devocionais,  mosteiros associados à peregrinação jacobeia, heráldica, topónimos, festas e lendas.
 
São muitos os autores que se debruçam sobre os Caminhos de Santiago que referem que para grande parte dos peregrinos medievais o Caminho começava “na sua própria porta”. Não raras vezes os peregrinos buscavam rumar a Compostela por trajetos “não oficiais”, procurando de esta forma proteger-se dos perigos que os espreitava nos caminhos: ladrões salteadores ou burlões e todo o tipo de indivíduos má rês prontos que se ocupavam a espalhar o mal nas rotas abençoadas.
O medo e a necessidade de rumar o mais depressa possível a Santiago são as principais razões por tantos roteiros terem sido criados ao longo dos tempos, a par das rotas ditas “oficiais” como são o Caminho Primitivo, o Caminho Francês, o Caminho do Norte, o Caminho da Prata ou o Caminho Português entre outros.
 
Só da cidade do Porto iniciam-se nove trajetos rumo a Santiago. Para além dos três caminhos mais utilizados, o de Barcelos, o de Braga e o da Costa, há ainda que ter em conta os chamados Caminhos do Alto Minho: Caminho do Noroeste, Caminho do Lima, Caminho do Norte, Caminho de Celanova, Caminho da Geira Romana, e a Rota Marítima (a que vai por Caminha, Vila Nova de Cerveira e Valença) Existe ainda outro Caminho do Alto Minho, o Caminho de Lamego que se inicia em Amarante, junto à Igreja de S. Gonçalo.

Caminhos de Santiago
Alguns dos trajetos dos Caminhos de Santiago. Ver imagem maior.
 
No Porto cruzam-se três itinerários compostelanos: O Caminho Português Central ou Principal  é o mais relevante  dos  Caminhos  Portugueses,  seguindo  o  traçado  da  estrada  real  Porto-Barcelos-Valença,  passando  por  Ponte  de  Lima.  O  Caminho  Português  por  Braga  foi  um  itinerário  muito  utilizado,  em  território português, até ao primeiro quartel do séc. XIV, altura em que se constrói a ponte de Barcelos e se  procede  à  reforma  da  ponte  de  Ponte  de  Lima,  situação  que  favorecerá  a  alternativa  pelo  Caminho  Central. O Caminho por Braga fazia-se pela antiga Via XVI que ligava Lisboa, Santarém, Coimbra, Porto e Braga. O Caminho Português da Costa era um caminho pouco usual, frequentado por alguns peregrinos, muitos  deles  estrangeiros,  que  utilizavam  as  rotas  marítimas  comerciais  que  aportavam  a  Lisboa,  deslocando-se daqui para os portos de Aveiro, Porto e Viana do Castelo, seguindo, depois, por terra, em direção a Santiago. O denominado Caminho da Costa formata-se, como sucede com a maior parte dos itinerários jacobeus, em função do local de partida do peregrino e da sua escolha pessoal pelo itinerário a seguir. Naturalmente que da orla atlântica portuguesa partiam peregrinos para Compostela. Na realidade, o caminho original passava pelo interior do atual concelho da Póvoa, pela povoação de Amorim, onde subsiste  uma  paróquia  com  invocação  de  Santiago.  Deste  ponto,  o  trajeto  seguia  para  Barca  do  Lago  (Esposende), em direção a Viana do Castelo. Todos estes caminhos atravessam a cidade do Porto por locais e espaços contrastantes entre si e muito diversificados do ponto de vista patrimonial e paisagístico.
   
Caminho Português por Braga
Trajeto do Caminho Portugês por Braga. Ver imagem maior.
   
 
Fontes:
www.visitportugal.com
www.visitporto.travel
https://omeucaminhodesantiago.wordpress.com

A Cache


A cache tem por objetivo dar a conhecer parte do trajeto do Caminho Português por Braga, nomeadamente da sua extensão localizada no concelho de Braga.
 
O trajeto que nos dá a conhecer é coincidente, neste local, com o Caminho da Geira Romana, para quem o percorre entre o Porto e Santiago de Compostela.
 
Levem material de escrita para registar a visita. 


   

Additional Hints (Decrypt)

Qvervgn. Ire Fcbvyre.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)