Skip to Content

<

TRAVAAA e faz as contas!

A cache by OsNavalhenses Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 03/19/2019
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
1.5 out of 5

Size: Size: small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Travaaaaaa e faz as contas! 

 

 A 8  - Autoestrada do Oeste é uma autoestrada portuguesa. Com uma extensão de 138 km, liga Lisboa (IC17 — CRIL) a Leiria(A1), atravessando estes dois distritos e a região Oeste de Portugal. Neste percurso, a A8 permite ligações à  A 9 (CREL)  (em Loures),  A 21  (na Malveira),  A 15  (nas Caldas da Rainha),  A 17   (na Marinha Grande) e à  A 19  (em Leiria). É paralela à N8 de Lisboa a Alfeizerão, e à N242 daí até Leiria.

Desenvolve-se numa orientação de sul para norte e faz parte da segunda ligação por autoestrada entre Lisboa e o Porto. No entanto, enquanto que a  A 1  segue um percurso pelo interior, primeiro junto ao Rio Tejo e depois a leste das Serras de Aire e dos Candeeiros, a  A 8  desenvolve-se pela região Oeste, atravessando diversas cidades e vilas numa zona de grande desenvolvimento e servindo como eixo estrutural e de ligação às capitais de distrito.

A A8 foi construída em várias fases; alguns troços desta autoestrada foram construídos como parte do IC1, uma via rápida com perfil de autoestrada, e foram renomeados para A8 em finais da década de 1990. O primeiro troço da Autoestrada do Oeste foi inaugurado em 1984, entre Olival Basto e Frielas tendo-se desclassificado o traçado original da EN8 em prol deste. Em 1991, já com numeração separada (A8), a autoestrada foi prolongada até à Venda do Pinheiro/Malveira e em 1996 chegou a Torres Vedras. Entretanto, em 1993, foi aberta uma variante ao Bombarral, integrada no IC1, evitando a travessia desta vila. Em 1995, inauguraram-se os troços Torres Vedras (sul)-Torres Vedras (norte), assim como Bombarral (norte)–Caldas da RainhaTornada, tendo estes também assumido a classificação do Itinerário Complementar em que a maior parte da A8 se insere, o IC1. Em 1997 a variante a Torres Vedras foi renomeada para A8 e com a conclusão do troço entre Torres Vedras e Bombarral, passou a ser assumida esta designação para todo o traçado construído até então. A autoestrada chegou a Leiria em 2002 e o último troço (a ligação à A1) foi aberto em 2011.

Esta autoestrada está atualmente concessionada a duas empresas: a grande maioria da A8 (132 km), entre Lisboa e Leiria (IC2), está concessionada à empresa Auto-estradas do Atlântico. O troço final de 6 km, entre Leiria (IC2) e Leiria (A1), está concessionado à empresa Auto-estradas do Litoral Oeste. A maioria da A8 está em regime de portagens, existindo contudo dois troços não-taxados: entre Lisboa e Loures (7 km) e entre o Bombarral e as Caldas da Rainha (zona industrial) (21 km). Nos troços Torres Vedras Sul–Torres Vedras Norte (6 km) e Caldas da Rainha (zona industrial)–Tornada (4 km) o tráfego local não paga portagens (por tráfego local entende-se veículos que só utilizem esses troços). Nos troços concessionados à Auto-estradas do Atlântico as portagens são físicas, enquanto que no troço concessionado à Auto-estradas do Litoral Oeste as portagens são eletrónicas. Um percurso entre Lisboa e Leiria custa €8,65 para um veículo Classe 1.

X=NR Da que se vai

Y=NR da saída

Cordenadas Finais N 3 "x+1" ° "Y+5".50"Y-5" W 00"X+1" ° 09.6"Y+10"

ATENÇÃO É FAVOR DE FAZER REGISTO NO LOGBOOK QUE SE ENCONTRA NA CACHE INICIAL ASSIM COMO NA FINAL!

Additional Hints (Decrypt)

Ab svz?! Nagrf qnin hzn nwhqn!

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)



Return to the Top of the Page

Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.