Skip to content

<

Campo de Tiro de Fornos - Marco de Canaveses

A cache by Primordiais Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 05/22/2021
Difficulty:
5 out of 5
Terrain:
5 out of 5

Size: Size:   other (other)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


TIRO AO PRATO

 

Como Surgiu

O Tiro ao Prato foi originalmente desenvolvido, em parte, para aumentar a caça de aves e de fornecer um método de treino para os caçadores. A Utilização de Alvos de argila foi apresentado como um substituto para pombos vivos. Na verdade, um dos nomes para os pratos utilizados em jogos de tiro era pombos de barro.

O desporto do Tiro ao Prato foi criado no final do século 18, quando eram usadas aves reais geralmente da espécie pombo-passageiro (Passenger Pigeon ), foi provavelmente a ave mais abundante no planeta. Estima-se que tenham chegado a existir mais de 5 bilhões de indivíduos nos Estados Unidos. As aves eram colocadas em baixo de chapéus ou em armadilhas e eram então liberados. Daí surgiria o nome Trapshooting (Trap= Armadilha e Shoot = Tiro , em inglês). Mais tarde Pássaros artificiais foram introduzidos na época da Guerra Civil Americana . Bolas de vidro (Bogardus) e, posteriormente, os alvos de argila foram introduzidos após o ano de 1800 , ganhando ampla aceitação, mas o tiro em aves vivas ainda é praticado em algumas partes dos Estados Unidos com o controle dos orgãos ambientais.

Passenger Pigeon (Pombo Passageiro) Prato de Argila (110 mm de diâmetro) O Trapshooting ou Tiro ao Prato, é um dos poucos desportos que requer muita disciplina, concentração e agilidade em alvos em movimento. O Tiro ao prato é praticado em todos os países do mundo. O acerto constante em várias posições e ângulos diferentes exige muito auto-controle e um atirador profissional chega acertar todos os 100 de 100 pratos ou erra somente 1 ou 2 em 200 pratos lançados. Este atirador é de classe AAA. Existem algumas variações de modalidades como Fossa Olímpica; Trap Americano, Trap Double, etc, (Algumas dessas são modalidades Olímpicas). A modalidade Trap americano é a versão predominante nos Estados Unidos e Canadá . Os EUA são referência, possuem dois orgãos gestores do esporte. O Amador Trapshooting Association (ATA) realiza eventos em todo os Estados Unidos e Canadá, bem como a Pacific International Trapshooting Association (PITA) que sanciona eventos na Costa Oeste da América do Norte. Hoje o Tiro ao prato Evoluiu, antigamente os lances de pratos eram feitos manualmente, com as mãos ou mesmo com máquinas manuais, hoje as máquinas são 100% Automáticas e inteligentes, com sensor de voz, para o atirador "chamar" o prato. Lançamento Manual de Pratos Máquina Automática de Lançar Sensor de Phone Pull .

A Máquina normalmente é colocada dentro de um traphouse (casa de máquinas). A casa oferece proteção da máquina (por exemplo, chuva, e tiros errantes) e também atua para esconder a posição oscilante do arremesso. Você nunca saberá de onde o prato vai sair. Modernas máquinas Automáticas de arremesso pode armazenar centenas de alvos de argila em um magazine e sistematicamente auto-recarregar os pratos para o próximo lançamento. Já as máquinas manuais elétricas requerem uma pessoa no traphouse para colocar o prato sobre o braço da máquina. Para ambos, as máquinas precisam de um sinal elétrico para arremesso assim que o atirador "chamar" o prato, pode ser um interruptor normal ou um sensor de voz.

 


Podes validar a solução do puzzle com certitude

 

Atenção: Não divulgar nem postar fotos de Container e Localizaçao, Sendo Removidos sem aviso Prévio! A cada registo online deverá sempre corresponder o respetivo registo físico do mesmo nick. Dito isto, não admitiremos registos de tours e/ou nicks fictícios nas nossas caches pelo facto dos mesmos não corresponderem a contas oficiais de geocaching. Registos online que não tenham a devida correspondente física serão apagados!

Additional Hints (No hints available.)



Reviewer notes

Use this space to describe your geocache location, container, and how it's hidden to your reviewer. If you've made changes, tell the reviewer what changes you made. The more they know, the easier it is for them to publish your geocache. This note will not be visible to the public when your geocache is published.