Skip to content

#3 - Percurso Nabão - Agroal-P.Cavaleiros [Praia] Traditional Cache

Hidden : 07/19/2023
Difficulty:
2 out of 5
Terrain:
2 out of 5

Size: Size:   small (small)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


 
Este é um trilho não sinalizado que vale a pena fazer. Começando na praia fluvial do Agroal vamos seguir o rio Nabão no seu lado esquerdo e vamos entrar num bosque super verde e meio amazônica, tuneis de vegetação imensa, durante cerca de 8 Km lineares até ao Sobreirinho.

O caminho acompanha sempre o rio Nabão com uma musica de fundo maravilhosa. Depois de 4 km chegamos junto a uma antiga fábrica de papel (já encerrada), nesta zona até tem uma pequena cascata artificial e o cenário em conjunto com o edifício abandonado muito bonito e fotogénico.

 
 
Depois desta parte temos que atravessar uma estrada para depois voltar de novo para os túneis de vegetação mas neste lado percebe-se que é um pouco mais seco mas sempre com sombra, subindo e descendo pequenas zonas de granito. Um ponto brutal é uma rocha em forma de onda.

Vão entrar na zona Granito Cársica das Lapas, onde a capela nossa senhora das lapas com os rochedos de fundo são o ex-libris local. Existe perto vias de escalada (na outra margem).

 

 

Track GPX do percurso

 

 

Características do percurso:
- Tipo de percurso: Linear, pedestre ou BTT (dificil).
- Tipo de piso: Single trail
- Época aconselhada: Primavera e Verão. inverno devido a subida de caudal de água pode ser impossível de percorrer
- Distância a percorrer: 6 Kms.
- Duração do percurso: Cerca de 3 horas.
- Nível de dificuldade: Baixo/ Médio.
-  Ponto de partida: Praia do Agroal
-  Ponto de Chegada: Praia do Sobreirinho
 

 

 
O Rio Nabão
 

O rio Nabão é um rio português afluente do rio Zêzere que passa na cidade de Tomar. Nasce no concelho de Ansião, no lugar dos Olhos de Água, e a ele junta-se, a cerca de dez quilómetros de Tomar, a nascente do Agroal, já no concelho de Ourém.

O rio Nabão desagua na margem direita do rio Zêzere, depois de um percurso de 61,47 km. Tem como principais afluentes o rio Beselga, a ribeira do Olival e a ribeira de Seiça. O rio Nabão nasce a uma cota de 205 metros em Olhos de Água (de Ansião), na antiga freguesia de Lagarteira, no concelho de Ansião, fazendo parte do Sistema Aquífero Sicó-Alvaiázere. No percurso de cerca de 61,47 km, o rio Nabão segue na maior parte do seu caminho de Norte para Sul.

Com um caudal médio de 11,56 m³/s, a área da sua bacia é de 1053 km². O leito do rio Nabão tem ligações com a Serra da Ameixieira, Serra da Portela, Serra de Alvaiázere, Serra de Santa Catarina, Serra do Castelo, Serra do Mosqueiro, Serra do Mouro, Serra dos Ariques, Serra Pequena e a Serra da Nova.

O percurso do rio Nabão envolve no concelho de Ansião as freguesias de Ansião, Chão de Couce, Lagarteira, Santiago da Guarda e Torre de Vale de Todos; no concelho de Alvaiázere as freguesias de Almoster e Pelmá; no concelho de Pombal a freguesia de Abiul; no concelho de Ourém as freguesias de Formigais, Freixianda e Rio de Couros e no concelho de Tomar as freguesias Madalena, Pedreira/Além da Ribeira, e São Pedro de Tomar.

O rio Nabão tem como principais afluentes o ribeira Beselga, a ribeira do Olival e a ribeira de Seiça. Amorim Rosa fala de registos históricos de grandes cheias em 1550, na segunda metade do século XVII, no final do século XVIII, em 1852 e em 1909.

 

 

Additional Hints (Decrypt)

Fbor n ghn rfdhreqn ngé nb gbcb. Prepn qr 8 zrgebf. Cbqreá rfgne pbz zhftb! [SPOILER]

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)