Skip to content

Artista da Faina Maior I Traditional Cache

Hidden : 08/01/2023
Difficulty:
1.5 out of 5
Terrain:
1 out of 5

Size: Size:   micro (micro)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:


Nasceu na cidade do Mindelo, Cabo Verde, mas é na Gafanha da Nazaré que tem estado a transformar os pilares de um viaduto em verdadeiros portais para as tradições de um povo ligado ao bacalhau.

 

Com cinquenta primaveras cumpridas no mês de abril, António Conceição é artista plástico e um contador de histórias, que vai desenterrando ao mesmo tempo que torna palpáveis, num pincelar preciso e sereno, as raízes profundas e salgadas da região.

 

Começou a desenhar era ainda uma criança e, aos 14 anos, começou a pintar retratos, perpetuando as imagens de estrangeiros que visitavam Cabo Verde. As Artes foram sempre o seu plano A, tendo chegado a estudar Construção Civil – que também tem origem no desenho, conta – e, após terminar os estudos, aguardou pela concretização de um sonho: vir para Portugal aprofundar conhecimentos. Foi no início do novo milénio que se viu a caminho do Porto, com uma bolsa de estudos da Cooperação Portuguesa para estudar Belas Artes.

Hoje, serão muitos os que já o terão visto, envolto em tintas e pincéis, a retratar pedaços de história nos pilares do viaduto que dá acesso ao Cais dos Bacalhoeiros. Ali, erguem-se as antigas secas de bacalhau e as mulheres que nelas trabalhavam e que Maria Lamas retrata, no livro As Mulheres do Meu País, como “desembaraçadas, faladoras e alegres”. António diz ser um mediador – alguém que materializa uma obra, que não é sua, mas “nossa, das pessoas, do mundo”, que nasce de ideias, influências e referências coletivas. “O ciclo da criatividade está sempre em movimento”, diz, e são muitos os que param junto ao artista para partilhar histórias e vivências, em jeito de cocriação. No fundo, estes murais são uma obra de todos, para que celebremos o passado e as gentes que tornaram possível o presente.

 

https://www.aveiromag.pt/2020/05/13/antonio-conceicao-o-artista-que-esta-a-desenterrar-as-historias-da-faina-maior/?fbclid=IwAR1_yBpJ77RtRMmtZmZs-a_7nkn2f7Dnfu0GTIoQcaia75fW4ZWrikHeASE

Additional Hints (Decrypt)

Qbev Frauben qb Fnzrveb qb tenaqr Onpnyubrveb Nethf.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)