Skip to content

<

A Hora do Lobo [Mafra]

A cache by btrodrigues & vsergio Send Message to Owner Message this owner
Hidden : 06/14/2005
Difficulty:
2.5 out of 5
Terrain:
2.5 out of 5

Size: Size:   regular (regular)

Join now to view geocache location details. It's free!

Watch

How Geocaching Works

Please note Use of geocaching.com services is subject to the terms and conditions in our disclaimer.

Geocache Description:

A hora do lobo é o espaço entre a noite e a madrugada. A hora em que a maioria das pessoas morre, em que o sono é mais profundo, em que os pesadelos são reais e que a angústia nos persegue. Curiosamente, a hora do lobo é também a hora em que a maioria das crianças nasce.
Ingmar Bergman - Vargtimmen

A cache não está nas coordenadas publicadas
The cache is not at the published coordinates

















     O lobo da Península Ibérica é uma subespécie do lobo cinzento (Canis lupus), tendo a designação de Canis lupus signatus. Actualmente, existem cerca de 2000 destes canídeos na Península Ibérica, 300 dos quais em território português. No início do século XX, esta espécie podia ser encontrada em praticamente todo o país, mas com o final do século deu-se uma redução acentuada na população dos mesmos, podendo actualmente ser observados no seu habitat natural apenas nas regiões Centro-Norte e Norte. Como tal, possui o estatuto de espécie em perigo de extinção, o que não tem evitado que a população lupina não continue em declínio. O lobo ibérico continua a ser capturado e morto ilegalmente, perseguido pelos pastores e caçadores e ameaçado pelas alterações contínuas ao seu meio-ambiente…
           
            O Centro de Recuperação do Lobo Ibérico (CRLI) foi criado em 1987 com o objectivo de providenciar um ambiente adequado em cativeiro para lobos feridos ou maltratados que não possam viver em liberdade. São também objectivos do CRLI  promover acções de educação ambiental que divulguem junto da opinião pública informação correcta sobre o lobo e o seu comportamento e estimular a realização de estudos sobre o comportamento do lobo tendo por finalidade aprofundar os conhecimentos sobre esta espécie e a melhoria das condições de cativeiro. O CRLI depende do apoio científico do Grupo Lobo, uma associação não governamental sem fins lucrativos criada em 1985 com o objectivo de trabalhar a favor da conservação do lobo e do seu habitat em Portugal.

            O CRLI ocupa 17 hectares de terreno, num arborizado e isolado vale a cerca de 30Km de Lisboa, paredes meias com a Tapada Nacional de Mafra. É importante referir que este espaço não é um zoo, devendo ser considerado um santuário. Os lobos no CRLI vivem em cercados com dimensões em função do tamanho da alcateia, com topografia heterogénea e uma boa cobertura vegetal, providenciando abrigo e um habitat adequado e equilibrado para os lobos que ali residem. Actualmente, existem 7 cercados, com uma área total de 4.49 hectares.

            Todo este grandioso projecto tem vindo a ser financiado com a ajuda de diversas entidades a nível nacional e internacional. Para além destas, existem programas de adopção (simbólica, é claro) dos lobos do centro. De há algum tempo para cá, também passou a ser possível fazer uma visita guiada (paga) para pequenos grupos a parte das instalações, onde se poderá ter contacto com a realidade do CRLI e até ver de perto alguns dos lobos.

            A coordenada publicada da cache corresponde ao edifício da recepção do CRLI. É para lá que se deve dirigir, consultando a informação disponível para obter os dados para a coordenada final. Se tiver oportunidade, aproveite para fazer uma visita guiada às instalações do centro. O CRLI está aberto aos sábados, domingos e feriados com o seguinte horário:
             -Verão (Abril a Setembro) 16:00-20:00
 
            -Inverno (Outubro a Março) 14:30-18:00

Alguns pontos importantes a ter em conta:
 » Não tente visitar o centro fora do horário especificado.
 » Os caminhos de acesso ao CRLI (em terra batida) estão em mau estado, cuidado com os cachemobiles.
 » Não entre no perímetro do CRLI sem ser acompanhados por um elemento da equipa do centro.
 » Recorde-se que está numa área com fauna e flora protegidas. Porte-se com civismo e evite perturbações desnecessárias ao meio ambiente.
 » A cache (que consiste de um tupperware de tamanho médio) encontra-se a cerca de 300 metros da recepção do CRLI, suficientemente longe dos cercados e facilmente acessível a pé pela estrada existente (pelo menos até certo ponto).
 » A cache e os seus autores não tem qualquer ligação com o Grupo Lobo ou o CRLI.

LOCALIZAÇÃO da CACHE: N38° 57.ABC W09° 16.DEF


De visita ao edifício da recepção do CRLI, veja com atenção os placards aí presentes. Não precisa de entrar nas instalações nem de interagir com nenhum colaborador. Os valores em falta são os números correspondentes aos placards indicados. Por exemplo, ao placard "Centro de Recuperação do Lobo Ibérico" corresponderia o número 9. 

A="Distribuição do Lobo"
B="Biologia do Lobo"
C="Grupo Lobo"
D="O Lobo no Mundo"
E="Sistemática e Evolução"
F="Mitos e Lendas"

Soma de controlo: A+B+C+D+E+F=24

    The iberian wolf (Canis lupus signatus) is a subspecies of the gray wolf (Canis lupus). At present, the population of the iberian peninsula is and estimated at 2000, of which about 300 are known to  be in portuguese territory. On the beggining of the 20th century, it ocurred in virtually all of Portugal's territory, but a strong decline has been noted ever since. Despite the "conservation dependent" status, several studies reveal that the wolf population is decreasing and the remaining are confined to the center/north of the country and severely threatened by direct persecution by humans (sheperds and hunters - furtive hunting, trapping and poisoning), the destruction of their habitat and lack of natural prey.

          The Iberian Wolf Recovery Centre - (CRLI) was founded in 1987 to provide an adequate captivity environment for wolves (either wounded or mistreated) which wouldn't be able to live by themselves in the wild. The center enables research studies mostly concerning the social behaviour of wolves. These studies, together with field-work carried out by Grupo Lobo (an independent non-profit NGO founded in 1985 working toward the conservation of the wolf and the wolves' habitat in Portugal) form the basis for information campaigns seeking to enlighten the population about the true nature of the wolf.

          The centre covers an area of 17 hectares (approx. 41 acres) in a forestet and isolated valley 30Km away from Lisbon. It's not a zoo nor a sanctuary. The wolves live in enclosures of different areas according to the size of the pack, providing good topography, vegetal covering and adequate shelter. The total area covered by these  seven enclosures is 4.49 hectares (11 acres). The whole project depends financially of some private and corporate sponsors. Recently, it has also been made possible adopting wolves and taking guided visits to the center infrastructure  - getting a inside look of the life and routine of the people envolved, as well as learning a little more about wolves and actually get to see some of them through the enclosure fences.

          The given coordinate was taken at the center welcome desk. It's where you should head to in order to get the data for the final coordinate. If you have a chance to, ask for a guided visit through the center premises (it will be easy to find someone who speaks english, don't worry). The center is open at weekends and national holidays with the following schedule:
             -Summer (April to September) 4PM-8PM
 
            -Winter (October to March) 2.30PM-6PM

Some things worth mentining:
 » Don't dare to visit the center outside the given schedule.
 » The dirt roads leading to the center are pretty rough, watch out for your cachemobile.
 » Don't enter the center premises without a staff member nearby.
 » Remember you're in a protected fauna and flora zone. Be reasonable and avoid messing up with the environment unnecessarily.
 » The cache (a middle sized tupperware) is aprox. 300m away from the center welcome desk, outside the center perimeter and easily acessible by foot, using the existing road (at least to a certain point).
 » This cache and the cache owners are not endorsed by Grupo Lobo or the CRLI.

FINAL CACHE LOCATION: N38° 57.ABC W09° 16.DEF


At the reception desk (on the photo), there are a few posters with lots of information about wolves and the CRLI. You do not need to interact with the employees to get this data. Even if the premises are closed, you'll be able to check them. The missing numbers for the coordinates are the poster numbers relative to the following subjects :

A="Distribuição do Lobo"
B="Biologia do Lobo"
C="Grupo Lobo"
D="O Lobo no Mundo"
E="Sistemática e Evolução"
F="Mitos e Lendas"

For instance, the poster titled "Centro de Recuperação do Lobo Ibérico" would be number 9.
Checksum: A+B+C+D+E+F=24


For more details and contact information, visit http://lobo.fc.ul.pt

Additional Hints (Decrypt)

vs lbh'er tbvat qbja, lbh arrq gb tb hc. gura lbh'yy svaq vg ng lbhe srrg.

Decryption Key

A|B|C|D|E|F|G|H|I|J|K|L|M
-------------------------
N|O|P|Q|R|S|T|U|V|W|X|Y|Z

(letter above equals below, and vice versa)