View Geocache Log

Found it Gatarron found Eragon

Saturday, March 19, 2016Lisboa, Portugal

It looks like your log contains HTML or UBB formatting. We now use Markdown formatting because it works on both web and mobile. Would you like to convert your log?

Success! To keep these changes, hit “Submit Log Entry” at the bottom of the page.

Hmm. Some of your log formatting is not supported. You might want to remove it and use Markdown formatting.

#1093

Há muito que tentava combinar uma investida às caches da Serra de Ota com um grupo de amigos geocachers, mas por uma razão ou outra adiava-se sempre. O dia e hoje não prometia nada de bom em termos meteorológicos, mas aproveitei assim que vim as nuvens a aliviarem o céu e vim para aqui, com a ideia de fazer reconhecimento do terreno para uma caminhada que tinha combinado com uns amigos meus. Só que não fui capaz de resistir a embrenhar-me pela selva para procurar este conjunto de caches.
Esta era a jóia da tarde, uma cache que já me tinha dado algumas ralações da última vez que a procurei. Hoje vi que também não era caso para tanto, apesar de a caminhada ser exigente, mas muito compensadora, com uma paisagem de deixar a vista regalada.
Depois da última visita, fiz o trabalho de casa, procurei na internet trilhos que por aqui passassem e, depois de notar que alguns coincidiam, vi que devia ter procurado o caminho um pouco mais à frente. Nessa zona a mata torna-se mais densa, fechada e luxuriante, como que a buscar a presença de água ali mesmo em baixo. São trilhos magníficos de percorrer, embora seja necessário bastante cuidado, ainda mais depois das chuvas dos últimos dias, que faziam a Ribeira de Ota cantar lá em baixo. Com a vegetação a cobrir tudo em volta, e também por cima, a água chegava de todos os lados, soltando-se das folhas à medida que progredia.
Depois surge a parede de cascalho, e sei imediatamente que é para ali. Acabo por não ter de subir muito até a contagem de metros no GPS chegar quase ao zero, e paro uns momentos para deixar a natureza entranhar-se-me no corpo pelos sentidos. Felicidade plena por ter chegado aqui, e a realização, mais uma vez, de que se não fosse alguém aqui ter posto uma cache, todo este espetáculo de vida à minha volta ter-me-ia passado ao lado. Começo a procurar, mas não aparece nada em volta. Volto-me para a recordação das fotos dos logs anteriores para reparar que os pontos de referência são todos numa zona um pouco desviada das coordenadas que o GPS me apresenta. Mas não faz mal, o local é bastante propício a receber uma cache e a parar um pouco para desfrutar confortavelmente da experiência. E assim me vou deixando ficar por mais uns momentos, a saborear o que a natureza e o autor desta cache me deixaram.
Muito obrigado pela experiência e pela aventura. Saí de lá mais rico, e só tenho pena de poder dar apenas um favorito.

Resgatei o TB que aqui andava estava há uns meses.

A parede anuncia-se

Additional Images Additional Images

A parede anuncia-se log image A parede anuncia-se

Ei-la! log image Ei-la!

Missão cumprida log image Missão cumprida

Selva log image Selva

Ribeira de Ota log image Ribeira de Ota

Apetece passar, mas é melhor não log image Apetece passar, mas é melhor não

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us