View Geocache Log

Found it CarlosAgnelo found Trilho da Penoita # 9 - O Bosque

Tuesday, June 5, 2012Viseu, Portugal

As circunstâncias da vida têm-me obrigado, de forma sistemática e com pouca disponibildade de tempo, a deslocar-me para estas bandas. Não tanto por razões do geocaching mas por questões de natureza familiar. Eu, afinal, também sou da zona de Lafões embora desde há uns bons tempos tenha assentado arraiais noutras bandas. É a vida, como diria o outro...

Ia eu então a caminho de casa! De repente, consciente de que havia coisas para fazer, questionei os meus botões: "Então e se fosse uma rapidinha ali no bosque?".

Os meus botões, sempre puritanos mas, ao mesmo tempo, mal intencionados (afinal porque será que todos os puritanos parecem ser assim?...) arregalaram as casas (à falta de olhos) e, maliciosamente, com um sorrizinho nos buracos, apesar das linhas que por lá passavam, disseram: "Com que então uma rapidinha, patrão?".

De repente percebi onde queriam chegar!

"Seus safados! Tenham juízo que já têm idade para isso!" - disse, e expliquei: "O que vamos fazer é tentar, dada a pouca disponibilidade de tempo, despachar uma e apenas uma cache do Trilho da Penoita do Ti Valente. A cache do Bosque!"

"Despachar?" - perguntaram.

Fiquei na dúvida se a pergunta continuava a ser maliciosa ou, puritanos mais uma vez, os meus botões pretendiam chamar a atenção para o termo um tanto ou quanto descabido do contexto. "Que diabo!" - pensei. Afinal entabulava eu diálogo com os companheiros de uma vida inteira. E estavam agora eles - desculpem mais uma vez a linguagem - a armarem-se aos cágados!

De forma que me calei. E eles também. Virei em direção ao bosque - direção assistida, diga-se. Pelo GPS, claro! Fiz corta mato, em vez de seguir, como mais tarde vim a verificar, o trilho que para lá conduzia. Transpirei forte. Mais forte até do que a chuvinha que, acompanhada de nevoeiro, se começou a fazer sentir. E os meus botões, com o orgulho ferido pelo meu silêncio, lá me iam acompanhando também. Não gemendo mas ... transpirando.

Chegados ao local o GPS e os meus botões, com a eventual ajuda do visitante anterior, fizeram-me, durante algum tempo, a vida negra. Um - o GPS - apontava para um lado e para outro com distâncias e sentidos variáveis. Os meus botões sorriam mas também transpiravam... E de que maneira! Eu, cansado de tantas voltinhas dar e sistematicamente repetir, transpirando começava a tender, cada vez mais, para um certo tipo de português vernáculo - erros ortográficos e semânticos nada em consonância com o acordo ortográfico nem com os cânones do Dr. Vasco Graça Moura...

Finalmente, no meio dos despojos dos carvalhos eis um lápis preto a reluzir no chão: "Olá" - disse. "Ela está aqui por perto!". Despojei-me, então eu, de todos os atavios que trazia - aparentemente mais pesados que nunca e - qual felino que sente estar próximo o contacto com a presa - iniciei o varrer de toda aquela área mais próxima. De repente uns autênticos bigodes - da natureza envolvente feitos - sobressaíram de tudo o resto. "Caramba - pensei - ou o último visitante foi um pouco mauzinho ou, como lhe competia, deixou a coisa tal como a encontrou".

Pela minha parte segui o mesmo lema. A coisa ficou o mais possível próxima do estado em que a encontrei...

E os meus botões, quebrando finalmente o silêncio, afirmaram, sorrindo: "Com que então uma rapidinha?!"

Iniciei então um discurso acusatório super enriquecido de vocábulos eruditos e populares ao mesmo tempo que, com o lápis encontrado no meio do chão, assinava, qual descobridor quinhentista, o livro das descobertas.

Os botões, admirados com a audição proprcionada, apoiados nas janelas das inseparáveis casas abriam, pasmados, as bocas, perdão, os buracos.

Despejado o saco e uns bons litros de suor foi então a minha vez de sorrir e de lhes sugerir um retorno rápido ao cachemobile e à nossa sede...

OPC

NCNL

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us