Skip to Content

View Geocache Log

Write note pricteixeira posted a note for The Jump of the Water (Arouca)

Saturday, May 5, 2018Aveiro, Portugal

Não me senti confortável em fazer o registo na forma de Found It, no entanto a cache ainda lá se encontra, deixamos nela o nosso rabisco e tendo sido ela a primeira a morar neste lugar, vou deixar sobe a forma de nota a estória da nossa passagem.

" Uma estória sobre três tolos a caminho da Frecha da Mizarela.

É engraçado, mas sempre que venho para estes lados a viagem dura mais tempo e desta vez dei-me ao trabalho de analisar bem as estradas que o Márcio Lemos usava para chegar ao nosso destino. Estranho, são precisamente as mesmas que as minhas, a diferença é que o homem gasta metade do tempo a percorrer o mesmo espaço ! porque será ?! Na próxima aventura vou reparar na marca dos pneus do carro dele, será disso ?!! Sem modéstia até acho que ele numa só manobra de inversão de marcha comete mais infracções ao código da estrada do que eu num mês inteiro de condução, as marcas rodoviárias até choram à sua passagem e faz aquelas estradas sinuosas na bolina como se ali não houvessem curvas...mas adiante que isto agora não interessa pra nada.

O que é que afinal fizemos ? Ora deixa cá ver, rezamos numa capela ou duas, uma boa dose de adrenalina aqui e acolá, mas aquela cascata da serra da freita...Hãaa, aquilo sim foi coisa bonita de se ver. Primeiro tivemos que descer o monte todo até chegarmos à base daquela impressionante queda de água, depois foi subir, subir e subir ainda mais. A cache estava lá, demorei menos de um minuto a dar com ela, mas depois demos connosco a perder muito mais tempo a admirar aquele espectáculo natural. A água vaporizava-se naquela queda estonteante e com ela formavam-se arco-íris na sua base, a beleza da cascata vista dali é indescritível, muito, mas muito mais bonita do que conseguimos ver no miradouro lá ao longe de onde a descobri pela primeira vez. O som da água a cair, a frescura do lugar, as lagoas límpidas, tudo o que não se pode ver de longe fazem desta cascata a mais bela que alguma vez já visitei.

Quando alguém nos pergunta o que é o geocaching ? O que todos procuramos nele ? Muitos respondem que somos levados a visitar lugares onde nunca iríamos se não fosse este jogo e oiço essa resposta tantas vezes que parece ser essa a única razão de jeito para se ser geocacher. Não deixa de ser verdade, mas pelo menos para mim é dizer pouco, mesmo muito pouco do que é ser um geocacher. A verdade é que não é fácil colocar em palavras o que sentimos em certas aventuras, noutras é melhor nem contar nada quanto mais descrever. O que dizer por exemplo daquela sensação parva de estar na borda de uma viga a algumas dezenas de metros de altura...ai, ai, se a minha esposa sabe disto mata-me. Este jogo é tão abrangente em todas as possibilidades que oferece e parece-me uma parvoíce tentar colocar isso em palavras, mas em dias como este sinto apenas gratidão por ter vivido momentos tão especiais e apesar do que disse, pelo tanto que me foi oferecido, gosto sempre de deixar algumas palavras de apreço. Um grande bem haja a todos os que ao colocarem as suas caches me oferecem dias que valem a pena recordar. "

infoThis is the original cache type consisting, at a bare minimum, a container and a log book. Normally you'll find a tupperware container, ammo box, or bucket filled with goodies, or smaller container ("micro cache") too small to contain items except for a log book. The coordinates listed on the traditional cache page is the exact location for the cache.
Visit Another Listing:

Advertising with Us

Return to the Top of the Page