Skip to Content

View Geocache Log

Write note joom posted a note for Porto's Templar Secret

Saturday, March 10, 2018Porto, Portugal

#8404 @17:13

Caminhada vespertina na procura do tesouro templário que se julga que ficou escondido em Porto de Graal (Portugal) por caminhos graníticos e por vezes quase labirínticos.

Há muito que andava para vir aqui. Sabia como a história acabava e o tempo que necessitava para dar a volta ao mundo. Assim fui adiando a visita à espera de disponibilidade e com tempo suficiente. Não é preciso ser ter os dotes do Sherlock Holmes, as artes de Indiana Jones, ou as indicações de Nicolau Nasoni para se descobrir a localização do tesouro. Tal como há resumos de várias obras literárias, todas acabam com Fim, também no mundo dos procuradores de plásticos há quem arruíne a experiência. Mas quem só lê a última palavra perde tanto o desenrolar da história do livro como por vezes a beleza da escrita. A experiência de sentir o sabor do gelo é incontestavelmente diferente, e muito inferior, do que saborear a bebida arrefecida pela água no estado sólido e com os aromas despertados pelo contacto com a superfície fria.

Hoje e confiante que segundo as previsões meteorológicas haveria uma pausa da queda de água quase contínua apontei ao ponto zero preparado para um passeio pelo Porto preparado para a intempérie. Eu e multidão de turistas que absorviam o que a cidade tem para oferecer.
Quase à hora marcada, soavam as baladas das catorze nos sinos, estava a entrar na generosa área de validação. Ficava logo a saber que esta wherigo não seria como andar aos gambuzinos tentando acertar num alvo reduzido que por vezes não é o melhor aliado das subtilezas e caprichos da recepção do sinal de GPS. Ah, que saudades dos sextantes e cartas de marear.
Encontrado o que procurava não acertei logo à primeira na resposta. Com uma observação mais cuidada e deixando de as lembranças de Saruman estava pronto para avançar pelo meio da multidão até à próxima passagem.
Aí não estive muito tempo pois a recolha dos dados foi célere e sem dúvidas. Ali ao lado outros faziam o mesmo, admirar o edifício, mas sem saber que eu tinha uma missão secreta e era portador de algo. Todo o cuidado era pouco pois não estava interessado em participar, sem ser do lado do espectador, num Auto-de-Fé.

Numa pernada desci a rua e estava pronto para mais uma conversa. Trigo limpo, farinha Amparo e sem necessidade de usar algum idioma do crescente. Apontei ao ponto seguinte e já a ver que para os lados menos setentrionais a densidade das nuvens aumentava. Não falta muito para ser brindado com umas gotas, disse para os meus botões.
De facto, ao lado da fantástica estátua da personagem eclesiástica, os primeiros pingos demonstraram que Galileu estava correcto. Nessa altura e ainda bastante afastado para onde me dirigia ouvi um guarda a chamar. Mas quando me virei desapareceu. Nem deu tempo para perceber o que de facto se tinha passado.
Aproximei-me do meu destino, olhando para o mapa no aparelho e quando vi para onde ia temi o pior. Um portão fechado separava-me do que queria alcançar. Ali, tal escultura que teria de ser afagada, tinha uma barreira que afastava do objectivo.

Estive ali uma boa meia hora para trás e para a frente a tentar entrar na restrita área e que iria validar a minha presença no local. Nesta altura lembrei-me logo da primeira experiência numa cache deste tipo e que por não ser satisfatória me afastaram uns bons quatro anos das wherigo. Era como o diabo se afasta da cruz. E falando no sacripanta era melhor guardar os pensamentos só para mim. Não queria de todo chamar as atenções.

infoA Wherigo geocache uses your Wherigo cartridge to lead you ultimately to the physical geocache location. The cartridges must reside at Wherigo.com. If a cartridge is used as a requirement to find a geocache, it is considered a Wherigo cache, regardless of whether it may also have a puzzle or multi-cache component.
Visit Another Listing:

Advertising with Us

Return to the Top of the Page